Processo estratégico Wiki Movimento Brasil 2022/Movimento Estratégico Wikimedia 2030/Pesquisa na Lusofonia/Relatório de pesquisa

Grupo de Usuários Wiki Movimento Brasil
Ir para navegação Ir para pesquisar

Início

Teoria da Mudança

Estratégia do Movimento
Wikimedia 2030 na lusofonia

Metodologia & Cronograma

Como participar


Sobre a pesquisa

Atividades

Participe


Pesquisa a Estratégia do Movimento 2030 na comunidade lusófona.pdf

Este relatório apresenta e analisa o processo de levantamento de dados e os resultados encontrados durante a pesquisa sobre a implementação da Estratégia 2030 na Wikimedia em Português, realizada pelo o Wiki Movimento Brasil e conduzida pelo wikimedista LPiantá (WMB) entre setembro de 2021 e fevereiro de 2022. Ao longo de seis meses, a pesquisa foi conduzida através de diferentes métodos de consulta a diversas partes interessadas na comunidade Wikimedia lusófona, entre elas editoras e editores dos projetos Wikimedia, grupos de usuários e organizações alinhadas ao conhecimento livre.

Você pode encontrar a sumarização dos resultados encontrados durante a pesquisa nos slides ou no vídeo de apresentação da pesquisa à comunidade.



Apresentação[editar]

Para uma experiência completa na leitura do relatório, é recomendado navegar pelos hiperlinks em azul e acessar o glossário da Estratégia do Movimento

Problema de pesquisa[editar]

Tendo em vista a importância de fomentar o debate e a ação ligados ao período de implementação das iniciativas prioritárias da Estratégia do Movimento Wikimedia para 2030, e contando com o financiamento de um Strategy Grant, esta investigação adotou o seguinte problema de pesquisa: quais são os desafios e possibilidades para a implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade do Movimento Wikimedia em português?

Este problema de pesquisa foi desenvolvido a partir das recomendações estratégicas da coordenação entre as partes interessadas e da equidade nas tomadas de decisão em sua relação com os Hubs/centros regionais e temáticos, que estão ligados à busca por garantir às comunidades Wikimedia, organizadas a partir de um território ou temática em comum, maior autonomia em suas formas de organização interna e de tomadas de decisão acerca de seus próprios rumos.

Tomando como base aquilo que é proposto pelas duas recomendações estratégicas em questão, uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos do Movimento Wikimedia em português pode ser compreendida como: a adoção de uma estrutura de tomadas de decisões que esteja baseada em dois princípios fundadores, quais sejam,

  • a equidade: o princípio de que todos aqueles que quiserem participar destas tomadas de decisão devem ter as condições necessárias para sua participação atendidas;
  • e a participação coletiva: o princípio de que o processo de tomada de decisões deve estar aberto para a participação das mais diversas partes interessadas na Wikimedia em língua portuguesa, independente da forma como elas se relacionam com o movimento.

Outra questão intrínseca à Estratégia do Movimento, e ao problema de pesquisa, é que ela não diz respeito a questões internas aos projetos Wikimedia individualmente, mas à completude da Wikimedia em suas variadas instâncias de hierarquia institucional, diferentes formas de colaboração voluntária e profissional, formas de financiamento, etc. Portanto, falar em uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos do Movimento Wikimedia em português não significa falar, por exemplo, que qualquer pessoa, editora ou não, poderá tomar decisões acerca dos critérios de notoriedade ou dos critérios de bloqueio de usuários da Wikipédia em português. Estas decisões são internas à Wikipédia, onde quem define as regras para além dos 5 Pilares são os editores.

As decisões das quais o problema de pesquisa trata estão relacionadas a questões de escopo geral, que afetam o movimento Wikimedia em conjunto e para além das edições nos projetos. Esta pesquisa trata, por tanto, daquelas decisões tomadas em ambientes deliberativos e com poderes institucionais. São exemplos:

Mais especificamente, a prática de tomadas de decisão sobre a qual o problema desta pesquisa trata é aquela que a Estratégia do Movimento propõe para a implementação dos hubs.

Vale ainda pontuar que a pesquisa apresentada neste relatório não teve como objetivo defender a aplicação daquela prática em específico e/ou os postulados mais básicos da Estratégia do Movimento diante da comunidade lusófona. A pesquisa foi dedicada à analise destes postulados em perspectiva crítica e em diálogo com a comunidade, com o objetivo de garantir que seus resultados contribuam efetivamente para as formas como a comunidade lusófona do movimento Wikimedia irá se organizar estrategicamente, se assim o quiser. Portanto, este relatório não tem uma função normativa, no sentido de dizer como a comunidade deve se comportar, mas uma função informativa, no sentido de organizar as informações coletadas durante a pesquisa para garantir a compreensão das formas como a comunidade se posicionou diante dos temas e questionamentos abordados. Da mesma forma, este relatório não é um posicionamento institucional do Wiki Movimento Brasil diante da Estratégia do Movimento ou dos dados levantados durante sua aplicação.

Objetivos[editar]

Geral[editar]

O objetivo geral da pesquisa foi: identificar os desafios e possibilidades para a implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade do Movimento Wikimedia em português.

Específicos[editar]

Os objetivos específicos da pesquisa foram os seguintes:

  • fomentar a discussão sobre o processo estratégico na comunidade lusófona nas vias de garantir o desenvolvimento de maior autonomia na governança e maior equidade nas tomadas de decisão;
  • compreender os desafios enfrentados pela comunidade lusófona no que se refere à governança e à tomada equitativa de decisões, vislumbrando a possibilidade de que os resultados da pesquisa colaborem para o desenvolvimento de uma instância intermediária (um hub) na comunidade Wikimedia falante de português;
  • ouvir as vozes que já fazem parte da comunidade ao mesmo tempo em que se busca a incorporação de vozes que ainda precisam ser ouvidas;
  • desenvolver um ambiente de escuta e reflexão conjunta com sujeitos que compõem o ecossistema do conhecimento livre de maneira geral;
  • apresentar os resultados da pesquisa à comunidade em um relatório final, na expectativa de que os dados apresentados colaborem para que debate sobre a implementação da estratégia possa acontecer em maior quantidade e qualidade na comunidade Wikimedia falante de português.

Cronograma[editar]

A pesquisa foi dividida em três períodos diferentes:

  • setembro e outubro de 2021: definição da metodologia de pesquisa e preparação dos materiais para consulta;
  • novembro e dezembro de 2021: consultas à comunidade e levantamentos de dados;
  • janeiro e fevereiro de 2022: análise dos dados e escrita do relatório.

Metodologia[editar]

Aplicação da pesquisa[editar]

O levantamento de dados foi feito a partir de quatro diferentes tipos de atividades:

Para o desenvolvimento destas atividades, foram feitas investigações prévias sobre a Estratégia do Movimento. Como fonte de investigação sobre a Estratégia do Movimento a nível global, foram consultadas as documentações do processo estratégico na plataforma Meta-wiki. Entre elas estão páginas que documentam

Já como fonte de investigação sobre a Estratégia do Movimento na comunidade lusófona em específico, foram consultadas as documentações de pesquisas e atividades relacionadas à Estratégia na comunidade lusófona do Movimento Wikimedia. Entre elas estão

No período designado às atividades de consulta à comunidade, entre novembro e dezembro de 2021, 97 pessoas responderam ao questionário na plataforma Formulários Google, os encontros abertos contaram com um total de 52 presentes e 2 grupos de usuários e 6 instituições foram entrevistados.

Questionário[editar]

Acesse aqui o questionário

O questionário foi lançado no dia 06 de novembro de 2021 e permaneceu aberto para respostas até o dia 20 de dezembro do mesmo ano. Sua divulgação ocorreu através das Esplanadas de projetos Wikimedia, redes sociais do Wiki Movimento Brasil, grupos de wikimedistas em redes sociais e uma mensagem em massa para páginas de discussão de usuários da Wikipédia em português.

Aplicado pela plataforma Formulários Google, o questionário foi criado para diversificar as formas de consulta, permitindo que mais pessoas participassem da pesquisa sem precisar participar dos encontros síncronos, e serviu para compreender como a comunidade se relaciona com questões centrais no processo de implementação da Estratégia; entre elas: o conhecimento da comunidade sobre o processo estratégico e sua concordância com as recomendações e os princípios da Estratégia do Movimento.

As questões presentes no questionário foram pensadas de forma a colocar os respondentes diante de situações hipotéticas, que exigiam a tomada de um posicionamento entre outros possíveis. As questões também apresentaram a opção "outro", seguido de um campo aberto para resposta, considerando a possibilidade de que nenhuma daquelas respostas disponíveis contemplasse o posicionamento dos respondentes.

Ciclo de encontros abertos à comunidade[editar]

Acesse aqui as atas dos encontros

Em três sábados, dias 13 e 27 de novembro e 18 de dezembro de 2021, às 14h do Brasil, ocorreram, via Google Meet, atividades de um ciclo com três encontros abertos à comunidade sobre a Estratégia do Movimento. A programação contou com apresentações sobre os temas pertinentes a cada encontro e debates. Estes encontros tiveram como objetivo gerar debates sobre temas específicos ligados à pesquisa entre os participantes. Os temas contemplados durante os encontros foram o desenvolvimento da estratégia do movimento, os hubs e o futuro da Wikimedia lusófona diante de seus desafios atuais.

Encontros com grupos de usuários[editar]

Os encontros com os grupos de usuários foram pensados para compreender de que maneira estes grupos, ligados a nichos específicos de atuação na Wikimedia como a igualdade de gênero, a educação, a historiografia, o fomento ao conhecimento livre, entre outros, e localizados em diferentes lugares da lusofonia, se posicionam diante do tema desta investigação. Com a intenção de colocar em perspectiva os aspectos temáticos e regionais de cada grupo, foram planejados dois encontros por Google Meet, com quatro grupos cada, organizados de acordo com os temas a partir dos quais se mobilizam e visando, dentro do possível, a diversidade regional.

Entrevistas com organizações parceiras[editar]

Foram consideradas organizações parceiras aquelas organizações que estão engajadas na causa do conhecimento livre, sem fazer juízos em relação à forma como este engajamento acontece. Estas organizações foram convidadas a participar pesquisa tendo em vista, principalmente, a recomendação da coordenação entre as partes interessadas. O objetivo era identificar os obstáculos no caminho da relação destas organizações com a Wikimedia e as diferentes possibilidades para sua transposição.

Relatório[editar]

Para garantir a compreensão e a qualidade da crítica aos resultados da pesquisa, antes de apresentar e e analisar os dados coletados durante as consultas este relatório conta com uma seção de "Conhecimentos e dados prévios", onde é feita uma introdução ao processo de desenvolvimento da Estratégia do Movimento até o momento de finalização da pesquisa, em fevereiro de 2022, e das atividades estratégicas desenvolvidas até então na comunidade lusófona que serviram de base para sua concepção.

Tendo a definição das recomendações da coordenação entre as partes interessadas e da equidade nas tomadas de decisão em perspectiva, os dados levantados durante a consulta à comunidade foram analisados na busca pela identificação daquilo que pode ser um desafio ou uma possibilidade para a implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade do Movimento Wikimedia em português. Em outras palavras, a análise dos dados serve à identificação dos pontos de acordo e desacordo entre as recomendações em questão e outras questões identificadas durante as atividades de pesquisa.

Questões que estiverem em desacordo com aquilo que propõem as recomendações serão tratadas como um desafio, enquanto as possibilidades serão identificadas a partir de pontos de convergência. Ao final, na conclusão do relatório, estes desafios e possibilidades, assim como os critérios para sua identificação, são retomados e sumarizados.

Privacidade dos participantes[editar]

Para os dados coletados no formulário e nas consultas abertas à comunidade de editoras e editores das plataformas Wikimedia, informações pessoais dos participantes foram suprimidas. Portanto, tanto as atas dos encontros quanto os dados apresentados no relatório são anônimos. As pessoas entrevistadas que foram citadas nominalmente neste relatório concordaram previamente com sua identificação.

Conhecimentos e dados prévios[editar]

A Estratégia e o Movimento Wikimedia[editar]

Em sua concepção estratégica, o movimento Wikimedia é formado pelos diversos sujeitos, grupos e organizações que se envolvem com os diferentes projetos assistidos pela Fundação Wikimedia. Estas pessoas e organizações podem ser editores dos projetos, doadores, leitores, parceiros institucionais, grupos de usuários, organizações temáticas, capítulos, organizações ligadas ao conhecimento livre, entre outras. No vocabulário estratégico, cada um destes exemplos citados pode ser considerado uma das partes interessadas.

Cada comunidade do movimento Wikimedia, organizado principalmente a partir das diferentes línguas faladas por todo mundo, tem diferentes partes interessadas. E tanto a relação destas partes interessadas com a Wikimedia quanto quais partes efetivamente se interessam pela Wikimedia dependem de fatores bastante diversos. O que importa saber é que diferentes comunidades passam por diferentes processos, desafios, dificuldades, etc. E que a Estratégia do Movimento estabelece diretrizes e possibilidades gerais, que devem ser implementadas por cada comunidade de acordo com as suas especificidades. Portanto, a forma como a Estratégia do Movimento será implementada pela comunidade Wikimedia falante de espanhol é diferente da forma como ela será implementada pela comunidade Wikimedia falante de português, e assim por diante.

Por conta destas especificidades de cada comunidade, atualmente existem diferentes movimentos estratégicos acontecendo por toda a Wikimedia. Desde a comunidade lusófona, aquela que compartilha entre si a língua portuguesa, podemos observar três níveis principais, apresentados na tabela a seguir.

Nível da Estratégia Escopo da Estratégia
Wikimedia global A Estratégia do Movimento diz respeito ao movimento Wikimedia globalmente, no conjunto de todas as suas comunidades (ela é comum, portando às comunidades lusófona, anglófona, francófona, hispanófona etc).
Comunidade lusófona A Estratégia do Movimento na comunidade lusófona diz respeito às formas como a comunidade lusófona, composta por suas partes interessadas e reunida pela língua portuguesa, está compreendendo e implementando as recomendações e atividades prioritárias definidas pelo movimento Wikimedia globalmente.
Wiki Movimento Brasil O processo estratégico do Wiki Movimento Brasil, por enquanto o único grupo afiliado à Fundação Wikimedia no Brasil, diz respeito especificamente a este grupo de usuários, que está localizado em território brasileiro. Não tem como objetivo coordenar a estratégia na comunidade lusófona como um todo, mas orientar a atuação estratégica do próprio grupo diante das estratégias Wikimedia a nível global e lusófono.


A pesquisa que é apresentada neste relatório, portanto, por mais que esteja sendo conduzida pelo Wiki Movimento Brasil, teve como objetivo abordar questões referentes à discussão e à implementação de atividades prioritárias e recomendações debatidas no contexto da estratégia do movimento, globalmente, na comunidade lusófona em específico.

A seguir, o processo estratégico global e as atividades estratégicas da comunidade lusófona são apresentados como forma de contextualizar o desenvolvimento desta pesquisa.

Direção estratégica[editar]

Inaugurada em 2017, a Estratégia do Movimento Wikimedia é um processo coletivo, articulado a nível global e local. Seu principal objetivo, traduzido em uma direção estratégica, é tornar a Wikimedia uma infra-estrutura essencial do conhecimento livre até 2030. E esta direção está ligada a dois princípios universais: o conhecimento como serviço e a equidade no conhecimento.

  • O conhecimento como serviço é a ideia de que a Wikimedia deve funcionar para além de seus próprios limites. Isto significa que as comunidades e interfaces dos projetos Wikimedia devem permitir que diversas pessoas, com diversos interesses e necessidades, utilizem o ecossistema Wikimedia para trocar conhecimento livre das mais variadas formas;
  • Já a equidade no conhecimento é a ideia de que a Wikimedia, enquanto movimento social, deve agir a favor de comunidades marginalizadas da produção e do acesso ao conhecimento. Seu principal objetivo é quebrar barreiras ligadas aos contextos sociais, políticos e técnicos para que todos aqueles que quiserem e precisarem acessar e colaborar com o conhecimento livre possam fazê-lo.

Princípios e Recomendações[editar]

Entre 2018 e 2020, depois da delimitação da direção estratégica, as comunidades Wikimedia organizaram-se globalmente para pavimentar o caminho até 2030. Neste período, grupos de trabalho se dividiram entre diversas temáticas, e em três fases, até a formação de uma síntese. Esta síntese acabou se transformando em 10 princípios, que sustentam as 10 recomendações estratégicas. Entre as recomendações delimitadas, duas têm peso especial nesta pesquisa: assegurar a equidade nas tomadas de decisão e coordenar as partes interessadas. A seguir, uma breve definição sobre estas duas recomendações e suas implicações.

Assegurar a equidade nas tomadas de decisão[editar]

Leia aqui o texto da recomendação na íntegra.

Cquote1.svg Equidade é tratar todas as pessoas de forma justa, com base em suas respectivas circunstâncias e considerando as barreiras que impedem que tenham o mesmo nível de realização, o que difere de tratar todos igualmente. Cquote2.svg
Exemplificando

Imaginemos, hipoteticamente, que tendo sido eleito um Conselho Global para o movimento Wikimedia foi decidido que as reuniões ocorrerão sempre de forma remota e em língua inglesa.

Todos os eleitos têm acesso a bons computadores e internet de qualidade, mas apenas um quarto deles tem inglês como língua nativa. Já os outros três quartos estão preenchidos por pessoas proficientes em inglês, por pessoas com um nível básico de inglês e por pessoas que não falam inglês.

Por mais que todos tenham os equipamentos e a internet necessários para a participação na reunião remota, a barreira da compreensão da língua impede que todos tenham o mesmo nível de realização: enquanto os falantes não nativos terão uma participação e compreensão limitadas em relação aos nativos, os que não falam inglês não compreenderão o que está sendo discutido e não poderão sequer participar do debate.

Uma decisão baseada no princípio da equidade poderia levar, entre outras possibilidades, à contratação de intérpretes para que cada pessoa possa falar e escutar os demais presentes em sua língua nativa e assim garantir a compreensão mais completa possível da discussão que está sendo feita.


Entre as ações práticas propostas pela Estratégia do Movimento para que seja assegurada a equidade nas tomadas de decisão estão
  • A Carta do Movimento, que funciona como uma Constituição para o movimento Wikimedia. Esta Carta estabelecerá os valores, princípios, funções e responsabilidades de ambientes como o Conselho Global, os hubs e quaisquer outros que tenham o poder de tomar decisões acerca dos rumos do movimento a nível global ou das comunidades. Outra função da carta é entregar legitimidade aos processos de tomadas de decisão, definindo as formas como estes processos devem ser conduzidos;
  • A criação de um Conselho Global, a ser formado por pessoas escolhidas pelas comunidades e que tenha como princípio o reflexo da diversidade que constitui o Movimento Wikimedia e as comunidades (Wikimedia ou não) às quais ele está servindo com conhecimento livre. Seus deveres serão, entre outros, supervisionar o processo de implementação da Estratégia, supervisionar o andamento da Carta do Movimento e referendar as prestações de contas dos recursos distribuídos pela Fundação Wikimedia;
  • A capacitação das comunidades locais, que está ligada à existência dos hubs (tratadados com maior cuidado em subseção abaixo). As capacitações devem permitir que as comunidades assumam o controle dos hubs, que deverão criar os meios para que estas mesmas comunidades avaliem suas próprias necessidades e a partir delas tomando decisões acerca de seu próprio futuro.
  • A alocação participativa de recursos, que passa pelo aumento dos recursos financeiros destinados pela Fundação Wikimedia à implementação da Estratégia. Estes recursos devem apoiar a formação de novos hubs e organizações ligadas ao movimento Wikimedia. Como afirma o ponto anterior, com o tempo, é esperado que os próprios hubs, a partir das especificidades de cada temática e região, tornem-se os responsáveis pelas alocações destes recursos.
  • A delimitação de diferentes funções e responsabilidades para cada um destes meios (hubs, Conselho Global, etc) e pessoas envolvidos nas tomadas de decisão. Ela passa por definir a forma de eleição, duração e funcionamento dos meios pelos quais as decisões serão tomadas, pela definição de diretrizes de capacitação para as pessoas que forem eleitas para assumir posições com poder decisório e por fazer com que cada uma destas posições sejam bem apresentadas por documentos que garantam o conhecimento sobre como é possível ocupá-las e qual é o motivo de sua existência.
Coordenar as partes interessadas[editar]

Leia aqui o texto da recomendação na íntegra.

Cquote1.svg Parte interessada é toda pessoa que tenha alguma participação na realização da visão do Movimento. Mais precisamente, o termo inclui as comunidades online e offline, grupos organizados, como afiliados e a Fundação Wikimedia, e membros do nosso ecossistema mais amplo, como parceiros e aliados. Cquote2.svg

A recomendação para coordenar as partes interessadas tem como principal objetivo encontrar formas de fazer com que todas as partes interessadas encontrem, no movimento Wikimedia, práticas de troca de informação, de aprendizagem e de transferência de conhecimento suficientemente abrangentes. Para que isto ocorra, pretende-se criar novos e melhores canais de comunicação e investir em processos de melhoria e inovação das tecnologias utilizadas pelo movimento Wikimedia como um todo. Esta definição também passa, portanto, por tratar as partes interessadas como protagonistas do movimento e buscar, no mesmo sentido da equidade, que suas demandas e desafios sejam efetivamente atendidos.


Entre as ações práticas propostas pela Estratégia do Movimento para que haja coordenação entre as partes interessadas estão
  • A documentação atualizada das responsabilidades e capacidades exigidas para o desenvolvimento de parcerias, produtos, tecnologias, financiamentos, entre outras atividades que dialoguem com instituições parceiras e aliadas;
  • A criação espaços de informação voltados para nichos específicos de relação entre as partes interessadas e a Wikimedia;
  • O desenvolvimento de interfaces mais convidativas à experiência dos usuários;
  • A criação de um Conselho de Tecnologia para tomar decisões acerca alocação de recursos voltados ao desenvolvimento de tecnologias comunidades, coordenação de inovações e comunicação entre desenvolvedores;
  • A melhoria de canais de comunicação voltados ao feedback, à mentoria, desenvolvimento de códigos e documentação dos processos.

Iniciativas prioritárias[editar]

Efetivados o desenvolvimento e a redação dos princípios e recomendações, o próximo passo do processo estratégico foi a elaboração de iniciativas que permitissem a sua implementação. Nesta fase, conhecida como fase de transição, as iniciativas em questão foram tratadas como prioritárias exatamente por serem os meios entendidos como necessários para a efetivação das propostas desenvolvidas na fase anterior. As diversas iniciativas delimitadas foram divididas em diferentes Clusters (grupos), que vão de A a H. A iniciativa à qual esta pesquisa intimamente se relaciona são os hubs, ou centros, localizados no grupo D.

Hubs/centros[editar]

O objetivo que se visa atingir com os hubs é o de criar unidades organizacionais onde diferentes comunidades voluntárias, relacionadas temática ou regionalmente, agem em conjunto para tomar decisões a partir da identificação de problemas, demandas e soluções relativas àquele tema ou região em um processo que acontece de acordo com as necessidades e possibilidades de cada comunidade, sem estar centralizado no poder na Fundação Wikimedia. É importante lembrar que o caráter dos hubs ainda não foi completamente definido, pois esta tarefa cabe à Carta do Movimento - que no momento do desenvolvimento desta pesquisa ainda está em fase de rascunho.

Quando falamos sobre os desafios e possibilidades para a implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade do Movimento Wikimedia em português, portanto, estamos buscando conhecer o posicionamento da comunidade lusófona do movimento Wikimedia diante dos postulados da estratégia do movimento. A partir dos dados levantados na pesquisa, poderemos identificar o melhor caminho a ser seguido na busca pela implementação de uma unidade plural e com poder de decisão, formada pelas diferentes pessoas, organizações e grupos que constituem a comunidade Wikimedia em português.

Em suma, os hubs podem ser relacionados à equidade nas tomadas de decisão e à coordenação entre as partes das seguintes formas
  • No contexto da Estratégia do Movimento, os hubs são a estrutura a ser regida por esta prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão;
  • Enquanto a equidade nas tomadas de decisão e a coordenação entre as partes interessadas são recomendações estratégicas, os hubs são uma iniciativa prioritária que visa sua implementação.
  • As formas como os hubs cumprirão suas possíveis tarefas, como por exemplo a capacitação, a alocação de recursos, a troca de informações e as consultorias para as comunidades, responderão àquilo que propõem as recomendações da equidade nas tomadas de decisão (o atendimento das demandas e necessidades específicas da região ou tema) e da coordenação entre as partes (a participação dos diversos interessados naquela região ou tema coordenados por determinado hub).

Atividades estratégicas na lusofonia[editar]

Entrando agora no nível da estratégia sobre o qual esta pesquisa tratou especificamente, aquelas diferentes fases do processo estratégico tiveram a participação da comunidade Wikimedia em língua portuguesa a partir iniciativas voltadas à consulta, cujos dados serviram como fonte de pesquisa para a elaboração das atividades desta pesquisa e para a análise dos dados levantados - que serão apresentados mais adiante.

Entre 2018 e 2020, a comunidade lusófona participou do debate sobre a estratégia, principalmente, a partir de iniciativas da Wikimedia Portugal, capítulo português da Wikimedia, e da Fundação Wikimedia , que contratou o usuário Lucas Teles como Strategy Liaison. Neste período o Brasil não teve representação afiliada nos debates relativos à Estratégia do movimento, indo de encontro ao que aconteceu em diversas outras comunidades, como pode ser visto na lista de relatórios dos debates sobre a estratégia do movimento promovidos pelos afiliados no mudo inteiro. Esta questão é central para a compreensão da situação do processo estratégico da comunidade lusófona e foi explorada durante as atividades da pesquisa - portanto, será retomada no momento oportuno para a análise dos dados levantados.

Em 2021, grupos de usuários e organizações ligadas ao conhecimento livre organizaram a Festa da Wiki-Lusofonia em comemoração aos 20 anos da Wikipédia em Português. Entre os dias 8 e 9 de maio, usuárias e usuários estiveram reunidos remotamente para debater questões relativas à história do movimento Wikimedia, parcerias GLAM-Wiki, diversidade, inclusão e o impacto da Wikipédia na sociedade. Também tem destaque neste relatório os resultados preliminares de uma pesquisa conduzida pelo pesquisador português Pedro Rodrigues Costa, da Universidade do Minho, que elaborou um questionário sobre o perfil dos editores da Wikipédia em português.

Wikimedia Portugal[editar]

No dia 15 de setembro de 2019, entre as 15h e 19h, usuários portugueses das plataformas Wikimedia se encontraram em reunião no Hotel Cristal Porto para conversar sobre a Estratégia do Movimento. O relatório completo da reunião pode ser encontrado neste link.

Os principais pontos debatidos no Salão de Estratégia da WMPT foram
  • a importância da descentralização de algumas tomadas de decisão, como aquelas relativas aos financiamentos;
  • a importância de equalização dos salários pagos pela Fundação Wikimedia a funcionários dentro e fora dos Estados Unidos;
  • e o rebranding da Fundação Wikimedia para Fundação Wikipédia.

Os resultados desta consulta também podem ser encontrados em um relato escrito por Lucas Teles e Gonçalo Themudo, presidente do capítulo português.

Consulta à comunidade[editar]

Já o wikimedista Lucas Teles relatou seu trabalho estratégico com a comunidade lusófona neste artigo, onde fala sobre a experiência de ser um contato estratégico entre a Fundação Wikimedia e os wikimedistas falantes de português. Os tópicos de maior interesse para a comunidade foram as funções e responsabilidades de cada parte do movimento e o desenvolvimento de capacidades na comunidade.

Os principais pontos levantados pela comunidade foram
  • a necessidade de descentralização da governança do movimento Wikimedia;
  • uma comunicação mais transparente com a Fundação Wikimedia;
  • o desenvolvimento das habilidades da comunidade a partir de atividades de capacitação;
  • a diversidade geográfica da comunidade, centrada no Brasil e em Portugal.

Festa da Wiki-Lusofonia[editar]

Finalmente, em 2021, a Festa da Wiki-Lusofonia foi um evento comemorativo dos 20 anos da Wikipédia em português que ocorreu entre janeiro e maio de 2021. Neste período, 8 organizações ligadas ao conhecimento livre organizaram eventos próprios e coletivos. Entre estas organizações estavam Art+Feminism, Creative Commons Brasil, Foto Community User Group, GLAM Bibliotecas da USP, História na Wiki, Wiki Editoras Lx, Wiki Movimento Brasil e Wikimedia Portugal.

A sessão principal ocorreu entre os dias 8 e 9 de maio e foi transmitido pelo YouTube. Sem ter como princípio, ao menos não explicitamente, ser um evento relacionado à Estratégia do Movimento, o fato é que este evento tem um caráter estratégico bastante acentuado por, principalmente, pensar sobre o presente e o futuro do movimento Wikimedia em português. Mesas como O impacto da Wikipédia no mundo da cultura livre, Apresentação sobre o perfil dos editores na Wikipédia lusófona, A academia e os GLAMs invadem a Wiki e Wikipédia e diversidade, assim como o plano de desenvolver uma Carta de Intenções para o futuro do movimento Wikimedia em português são marcadores importantes do caráter estratégico do evento.

Por conta de seu peso estratégico, as discussões feitas na Festa serviram de inspiração para a realização da pesquisa. Não somente no que se refere aos tópicos de impacto, mas também à busca por reunir pessoas e organizações para compartilhar ideias, preocupações e questionamentos acerca do Movimento Wikimedia a partir das especificidades da comunidade lusófona.

Perfil dos editores da Wikipédia em português[editar]

Servindo como um bom termômetro para compreender a relação entre os dados levantados e o perfil dos respondentes do questionário desenvolvido para a pesquisa que este relatório apresenta, alguns dos resultados encontrados por Pedro Rodrigues em sua pesquisa sobre o perfil dos Wikipedistas de língua portuguesa têm destaque a seguir.

Os dados levantados por Pedro apontaram
  • a prevalência do gênero masculino, com 87,2% dos respondentes, em relação aos 11,1% do gênero feminino e 1,7% de respondentes que selecionaram a opção "outro";
  • no que se refere à origem nacional, 75,5% dos respondentes declararam ser brasileiros e 20,9% portugueses. O único outro país lusófono contemplado nas respostas foi Moçambique, com 0,4%;
  • em relação ao país de residência, 78% declararam viver no Brasil, 21,7% em Portugal e Moçambique apareceu mais uma vez com 0,4%;
  • aproximadamente 43% declararam ser estudantes ou professores ao serem perguntados sobre sua profissão;
  • 24,3% dos respondentes afirmaram ter um diploma de licenciatura.

Também foram apresentados descontentamentos sobre:

  • a necessidade de mais artigos sobre mulheres e mais artigos escritos por mulheres.
  • a impressão perspectiva de países da África lusófona é sempre preterida em relação aos outros países de língua portuguesa;
  • reclamações sobre a incapacidade de alguns editores em conviver com variantes diferentes da língua portuguesa;
  • reclamações sobre comentários racistas e xenófobos motivados pela intolerância com as diferentes variantes da língua portuguesa.

Atividades e dados da pesquisa[editar]

Questionário[editar]

A apresentação dos dados do questionário segue a estrutura utilizada pelo wikimedista Anass Sedrati em sua pesquisa sobre os hubs na comunidade Wikimedia falante de árabe.

O questionário foi lançado no dia 06 de novembro de 2021 e permaneceu aberto para respostas até o dia 20 de dezembro do mesmo ano. Sua divulgação ocorreu através das Esplanadas de projetos Wikimedia, redes sociais do Wiki Movimento Brasil, grupos de wikimedistas em redes sociais e uma mensagem em massa para páginas de discussão de usuários da Wikipédia. Ao todo, recebidas 97 respostas.

Os objetivos do questionário foram compreender os seguintes pontos

  • a familiaridade da comunidade Wikimedia em português com a estratégia do movimento;
  • a concordância com as recomendações estratégicas voltadas à coordenação entre as partes e à tomada equidade nas tomadas de decisão;
  • as possíveis lacunas, mudanças e permanências relacionadas às pesquisas feitas anteriormente;
  • os novos desafios e possibilidades da comunidade a partir de discussões como as que ocorreram na Festa da Wiki-Lusofonia.

Portanto, a escolha das perguntas e possíveis respostas partiram de uma análise das atividades estratégicas previamente feitas na comunidade lusófona em relação àquilo que é proposto pela estratégia do Movimento.

Desde a apresentação, que introduz a pesquisa ao localizá-la em relação à direção estratégica, os princípios, as recomendações e as iniciativas prioritárias, até o início de cada seção de perguntas, o questionário buscou contextualizar cada uma de suas partes em relação à Estratégia do Movimento, explicando o motivo de estar tratando daqueles temas.


As diferentes seções, perguntas e respostas do questionário são apresentadas nas caixas expansíveis abaixo


Questões de perfil
Wikipedia20 symbol community.svg

No processo de implementação da estratégia 2030 do movimento Wikimedia, todas as pessoas que se envolvem de alguma forma com o movimento são bem-vindas. Estas pessoas acessam as plataformas Wikimedia de todos os lugares do mundo e delas fazem diferentes usos. Tendo essa diversidade em mente, o objetivo desta seção é conhecer o seu perfil a partir dos critérios que estabelecemos para a pesquisa: nacionalidade, gênero e tipo de relação estabelecida com os projetos.

  • Em que país você nasceu?

Questionátio WMB Pergunta 1.svg

  • Em qual país você vive atualmente?

Questionátio WMB Pergunta 2.svg


  • Com qual gênero você se identifica?

Questionátio WMB Pergunta 3.svg

  • Qual das opções abaixo melhor descreve sua relação com a comunidade em português dos projetos Wikimedia?

Questionátio WMB Pergunta 4.svg

  • Se você faz parte de alguma instituição parceira da Wikimedia (com ratificação de parceria) ou projeto GLAM-Wiki, por favor diga qual.

Questionátio WMB Pergunta 5.svg

  • Se você faz parte de algum grupo de usuário(a)s, afiliado ou não à Fundação Wikimedia, por favor diga qual.

Questionátio WMB Pergunta 6.svg


Familiaridade com a estratégia do movimento
WP20Symbols MediaWiki.svg

Por mais que o movimento Wikimedia se esforce para fazer com que mais pessoas integrem as comunidades, nem sempre conseguimos atingir a todas e todos que gostaríamos com as informações sobre a estratégia e organização das nossas comunidades. Esta seção tem o objetivo de saber sobre a sua familiaridade com a estratégia do movimento Wikimedia.

  • Você já tinha acessado alguma informação sobre a estratégia do movimento Wikimedia antes de chegar a este formulário?

Questionátio WMB Pergunta 7.svg

  • Caso tenha respondido negativamente à questão anterior, qual você considera ser o principal motivo para não ter tido acesso a informações sobre a estratégia do movimento? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 8.svg


  • Caso tenha respondido positivamente à questão anterior, de que forma você teve acesso às informações sobre a estratégia do movimento? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 9.svg

Problemas e Soluções (2018-2020)
Wikipedia20 crocodiles.svg

Entre 2018 e 2020, a comunidade em português participou do debate sobre a estratégia, principalmente, a partir de iniciativas da Wikimedia Portugal, capítulo português da Fundação Wikimedia, e do usuário Lucas Teles, então contratado pela Fundação Wikimedia para movimentar o debate sobre a estratégia na comunidade em português.

Em 2019, usuários portugueses das plataformas Wikimedia se encontraram em reunião para conversar sobre suas principais preocupações estratégicas.[1] Entre elas, foi destacada a importância de descentralizar os recursos financeiros da Fundação Wikimedia, que deveriam ser destinados em maior quantidade a grupos de usuários pequenos e de fora da Europa. Um ponto positivo observado foi a participação das comunidades na decisão sobre os rumos do movimento, que não estava exclusivamente nas mãos da Fundação Wikimedia.

Também em 2019, o usuário Lucas Teles publicou um relato sobre seu trabalho como um contato estratégico da Fundação Wikimedia na comunidade em português.[2] De acordo com ele, os principais pontos levantados pela comunidade estiveram ligados à necessidade de descentralização das decisões acerca dos rumos do movimento, uma comunicação mais transparente com a Fundação Wikimedia e o desenvolvimento das habilidades da comunidade a partir de atividades de capacitação.

Outro ponto importante foi a diversidade. Por mais que se tenha constatado a necessidade de maior participação feminina na comunidade em português, a grande preocupação esteve voltada à diversidade geográfica da comunidade, que carece de editoras e editores de países falantes de português que não sejam o Brasil e Portugal.

Referências

[1] https://diff.wikimedia.org/pt/2019/11/21/wikimedia-portugal-no-processo-estrategico-em-2019/

[2] https://diff.wikimedia.org/pt-br/2019/11/01/ser-um-contato-estrategico-para-a-comunidade-em-lingua-portuguesa-em-2019-como-foi-para-mim/

  • Como você avalia a comunicação da Fundação Wikimedia com a comunidade em português do movimento wikimedia?

Questionátio WMB Pergunta 10.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "problemas como a falta de editoras e editores de fora do Brasil e de Portugal e a necessidade de descentralização do controle sobre os recursos financeiros da Fundação Wikimedia poderiam ser melhor resolvidos caso fosse criada uma estrutura dedicada a acolher os problemas da comunidade em português e para eles buscar soluções."?

Questionátio WMB Pergunta 11.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "o surgimento de novas lideranças na comunidade em português seria beneficiado com o oferecimento de atividades voltadas ao desenvolvimento de capacidade das quais a comunidade carece para resolver seus eventuais problemas."?

Questionátio WMB Pergunta 12.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "as decisões sobre os destinos dos recursos financeiros da Fundação Wikimedia devem ser tomadas coletivamente, pelos diversos interessados."?

Questionátio WMB Pergunta 13.svg

  • O que pode ser feito para que mais mulheres participem das decisões do movimento Wikimedia? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 14.svg

  • O que pode ser feito para que mais pessoas falantes de português de fora do Brasil e de Portugal participem das decisões do movimento Wikimedia? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 15.svg

Respostas ao campo aberto desta pergunta também trataram sobre

    • dar protagonismo à relação histórica entre as religiões de matriz africana;
    • a necessidade de ter mais tempo livre;
    • necessidade de acesso a internet e equipamentos de qualidade;
    • maior paridade;
    • dar maior poder a estas pessoas;
    • a exclusão dos brasileiros destas decisões.


Equidade na tomada de decisões
WP20Symbols community1.svg

A equidade na tomada de decisão é uma das recomendações para a implementação da estratégia 2030.

O ponto referente à equidade na tomada de decisão recomenda que:

Todas as partes interessadas do Movimento terão poderes, conhecimento e recursos para estarem presentes em qualquer processo de tomada de decisão que as afete, tomarem decisões e obterem informações relevantes sobre questões relacionadas, inclusive a oportunidade de acessar recursos. As estruturas do Movimento servirão e apoiarão cada comunidade de forma transparente, respondendo às necessidades específicas de cada contexto, com um senso de urgência quando necessário.

As estruturas do Movimento serão adaptadas e criadas para assegurar que as experiências e os interesses de todos os usuários de Wikimedia possam ser representados nas tomadas de decisão. Essas estruturas serão lançadas em um ritmo sustentável. Sua função e eficácia serão continuamente avaliadas para permitir um desenvolvimento, iteração e consulta adequados.

O objetivo da seção é medir a sua concordância com a recomendação, não seu conhecimento sobre ela. Portanto, responda de acordo com suas próprias convicções.

  • Você acredita que a posição de algum destes grupos deve se sobrepor à dos outros no momento de tomar decisões coletivas sobre as formas como o movimento Wikimedia se organizará para efetivar os planos de se tornar a infraestrutura essencial para o conhecimento livre? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 16.svg

Nas respostas ao campo aberto desta pergunta, destaca-se a proposta de que a opinião dos stewards tenha maior peso.

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "os critérios de financiamento para as comunidades Wikimedia devem ser universais, sem diferenciação de acordo com as dificuldades financeiras da região e o tamanho das comunidades."?

Questionátio WMB Pergunta 17.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "em atividades de tomadas de decisão, a Fundação Wikimedia deveria proporcionar subsídios para garantir a participação de pessoas que precisem alugar equipamentos, contratar pacotes de dados de Internet e contratar cuidadores para seus filhos."?

Questionátio WMB Pergunta 18.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "as comunidades Wikimedia devem seguir uma estrutura comum de diretrizes, que valha para todo o movimento, e partir dela buscar as soluções para suas demandas."?

Questionátio WMB Pergunta 19.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "as prestações de conta sobre os recursos financeiros da Fundação Wikimedia devem ser aprovadas pelas comunidades."?

Questionátio WMB Pergunta 20.svg

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "para garantir um bom andamento dos processos de tomadas de decisão na comunidade, é preciso que as responsabilidades sobre cada tarefa sejam bem delimitadas e divididas entre os diferentes interessados."

Questionátio WMB Pergunta 21.svg


Diversidade
WP20Symbols HumanFigure2.svg

A recomendação da equidade nas tomadas de decisão trata a diversidade como uma questão essencial para avançarmos na construção de uma infraestrutura comum para permitir uma representação efetiva na tomada de decisões, uma capacitação qualitativa e quantitativa das pessoas do movimento e uma definição sólida da divisão de funções e responsabilidades nas comunidades. Nesta seção queremos conhecer o seu nível de concordância com a política da diversidade e quais são, na sua opinião, as melhores formas de atingir a diversidade até 2030.

  • Qual seu nível de concordância com a seguinte frase: "a experiência na Wikimedia deve se sobrepor à diversidade como o principal critério para a escolha dos membros de um grupo que vai tomar decisões sobre a estratégia do movimento Wikimedia na comunidade em português."?

Questionátio WMB Pergunta 22.svg

  • Quais das opções a seguir você considera prioritárias para garantir maior participação de pessoas que se autorreconhecem como negras nos espaços de tomada de decisão da comunidade em português do movimento Wikimedia? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 23.svg

As respostas ao campo aberto desta pergunta contemplaram pontos como: a necessidade de pesquisas para identificar as lacunas raciais na Wikimedia em português; a necessidade de criar espaços onde não haja reconhecimento da diferença entre os participantes; e o fato de a identificação de editores violar os princípios da Wikipédia.

  • Quais das opções a seguir você considera prioritárias para garantir a maior participação de pessoas com deficiência nos espaços de tomada de decisão da comunidade? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 24.svg

Respostas ao campo aberto desta pergunta também trataram sobre

    • atividades que busquem identificar as necessidades de pessoas com deficiência nos projetos Wikimedia;
    • a necessidade de dar voz às pessoas com deficiência para que por si mesmas definam as atividades prioritárias para sua inclusão;
    • a falta de validade das propostas apresentadas nas opções de resposta;
    • a falta de sentido em ter de declarar deficiência para editar a Wikipédia;
    • a importância de construir uma base mínima de acessibilidade.
  • Quais das opções a seguir você considera prioritárias para garantir a maior participação indígena nos espaços de tomadas de decisão da comunidade em português do movimento Wikimedia? Você pode escolher mais de uma opção.

Questionátio WMB Pergunta 25.svg

Respostas ao campo aberto desta pergunta também trataram sobre

    • a falta de sentido na contratação de intérpretes em línguas diferentes do português para atividades numa comunidade voltada à língua portuguesa;
    • a falta de sentido em declarar-se indígena na Wikipédia;
    • o fato de a identificação de usuários violar os pricípios da Wikipédia.


Política de espaço amigável
WP20Symbols Fashion.svg

Os espaços do movimento Wikimedia são conduzidos por uma política de espaço amigável. De acordo com esta política,

A comunidade da Wikimedia está dedicada a fornecer uma experiência acolhedora para todos, independentemente de gênero, orientação sexual, identidade ou expressão de gênero, incapacidade, aparência, raça, religião, nem licença livre preferida (e não limitada a estes aspectos). Não toleramos assédio a participantes de nosso eventos. Os participantes que violarem tais regras serão pedidos que deixem o evento a critério dos organizadores do mesmo.

E a definição de assédio utilizada por esta política é:

comentários verbais ofensivos relacionados a gênero, orientação sexual, identidade ou expressão de gênero, incapacidade, aparência física, tamanho corpóreo, raça, etnia, afiliação política, e religião; deliberada intimidação, perseguição, perseguição indesejada, fotografias ou vídeos assediadores, interrupção seguida de discursos ou outros eventos; exibição não contextual de imagens de cunho sexual, contato físico inapropriado, e atenção sexual indesejável.

  • Você considera a existência de uma política de espaço amigável suficiente para garantir uma interação respeitosa entre os participantes de espaços de tomadas decisões coletivas e equitativas?

Questionário sobre os rumos do movimento Wikimedia - pergunta 26.svg


O que mais você tem a dizer?
WP20Symbols speak.svg

Esta seção está disponível para que você aborde algum ponto que não foi contemplado pelo questionário, mas que parece ser importante no contexto do que foi perguntado. Sinta-se à vontade para escrever livremente sobre os temas de interesse.

A seção dedicada aos comentários finais dos respondentes recebeu 24 respostas, que não serão replicadas diretamente para evitar qualquer identificação de sua autoria. As questões levantadas nesta seção foram:

  • A importância de pesquisar o tema da estratégia e a partir dele articular a comunidade;
  • A urgência de pautar a diversidade no movimento Wikimedia;
  • Falta de clareza no enunciado de algumas perguntas;
  • Críticas à busca por maior diversidade;
  • Críticas à ideia de equidade;
  • Em relação aos dois pontos anteriores, críticas a um enviesamento do questionário em favor destes ideias e da Fundação Wikimedia;
  • Críticas à Fundação Wikimedia.


Ciclo de encontros[editar]

Este relatório apresenta uma seleção qualitativa dos dados obtidos nos encontros. Para acessar o conteúdo completo desta atividade, acesse as atas na íntegra aqui.

Em três sábados, dias 13 e 27 de novembro e 18 de dezembro de 2021, às 14h do Brasil (UTC-3), ocorreram atividades de um ciclo com três encontros abertos à comunidade e on-line sobre a Estratégia do Movimento. A programação contou com apresentações sobre os temas pertinentes a cada encontro e debates. O primeiro encontro, no dia 13/11, tratou sobre o desenvolvimento da Estratégia do Movimento desde sua concepção até seu respectivo momento, o da implementação das atividades prioritárias. No segundo encontro, no dia 27/11, o tema foram os hubs. Este encontro também contou com a participação de Tila Cappelletto, facilitadora de Estratégia para a comunidade lusófona. O último encontro, no dia 18/12, esteve focado na identificação de potenciais e desafios para o futuro da comunidade lusófona, colocando em perspectiva as discussões e apresentações feitas na Festa da Wiki-Lusofonia e o alinhamento estratégico da WikiCon Brasil 2022.

Encontro I[editar]

O primeiro encontro ocorreu no dia 13/11, às 14h do Brasil e durou até às 16h. O tema principal do encontro era o desenvolvimento da Estratégia do Movimento, que foi apresentada cronologicamente. Depois de uma apresentação dos presentes e de uma fala introdutória à pesquisa, ocorreu uma apresentação sobre as diferentes fases do desenvolvimento da Estratégia e o debate foi aberto.

Todas as pessoas foram convidadas a se apresentar contando aos demais de que forma estavam relacionadas à Wikimedia e quais eram as suas expectativas para o encontro. Entre as respostas, a expectativa que tem maior destaque é a de aprender sobre a estratégia do movimento. Também é visível a intenção dos presentes de colaborar com o desenvolvimento do Movimento Wikimedia a nível temático (na lusofonia) e globalmente e de preencher uma lacuna relacionada ao conhecimento e à participação da comunidade lusófona no processo estratégico. Outras questões levantadas na apresentação foi a afirmação da língua portuguesa como uma língua independente e protagonista no Movimento Wikimedia, para que a comunidade falante de português tenha seus próprios espaços de diálogo e discussão com o Movimento, sem precisar participar de discussões em espanhol como aconteceu em uma reunião de apresentação da nova CEO da Fundação Wikimedia, Maryana Iskander, às comunidades lusófona e hispanófona.


No debate do primeiro encontro, foram levantados pontos como
  • a necessidade de quebrar com padrões tecnicistas no movimento para construir debates filosóficos e políticos sobre o papel do Movimento Wikimedia frente à humanidade e o significado de "sistematizar todo o conhecimento humano";
  • diante da profusão das fake news, seria importante refletir sobre os mecanismos de controle da informação que circula nos projetos Wikimedia;
  • a preocupação sobre a falta de compreensão sobre os motivos pelas quais as pessoas editam a Wikipédia, diante da possibilidade de haver pessoas dedicadas a utilizar a Wikipédia para disseminar notícias falsas;
  • a necessidade em obter maior clareza na documentação e difusão das informações sobre todos os processos que compõem a Estratégia do Movimento;
  • a preocupação com o posicionamento do Brasil no processo de implementação da Estratégia, mais especificamente no que se refere aos hubs, já que localmente o Brasil está situado na América Latina, e, tematicamente, com a lusofonia, enquanto Portugal está alinhado a nível local, com o oeste europeu.


Encontro II[editar]

O segundo encontro ocorreu no dia 27/11, às 14h do Brasil e durou até às 16h20min. O tema principal do encontro foram os hubs e a Carta do Movimento. Depois de uma apresentação dos presentes e de uma fala introdutória à pesquisa, Tila Cappelletto, facilitadora da Estratégia e Governança do Movimento Wikimedia, fez uma apresentação que retomou o debate sobre o desenvolvimento da Estratégia e as atividades prioritárias para a implementação. O encontro ainda contou com uma apresentação sobre a Carta do Movimento e foi feito um repasse sobre as discussões feitas em uma reunião, a nível global, sobre o caráter dos hubs, que ocorreu no mesmo dia do encontro e foi conduzida exclusivamente em língua inglesa. Após estas introduções, o grupo seguiu para o debate.

Todas as pessoas foram convidadas a se apresentar contando aos demais de que forma estavam relacionadas à Wikimedia e quais eram as suas expectativas para o encontro. Entre as respostas, têm destaque as expectativas de construir um futuro melhor para o Movimento Wikimedia, fortalecer a comunidade lusófona e melhor identificar o lugar da lusofonia no Movimento Wikimedia, por existir um sentimento de que a comunidade lusófona esteve alheia ao Movimento Estratégico desde sua concepção até o presente.


No debate do segundo encontro, foram levantados pontos como
  • a inadequação do termo anglófono hubs para a melhor compreensão sobre o que estas unidades são e quais são as suas funções;
  • o sentimento de que a comunidade lusófona do Movimento Wikimedia foi alienada dos debates e atividades sobre a Estratégia do Movimento;
  • a má comunicação com a Fundação Wikimedia, que teria inviabilizado a constituição da comunidade lusófona como um polo de discussões sobre a Estratégia;
  • o espaço curto de tempo para que os interessados se preparem para atender aos encontros da estratégia em nível global, fazendo com que as comunidades menos estruturadas acabem por se ausentar de discussões e forçando o ponto de vista de comunidades com mais recursos e maior participação no processo estratégico a nível global.
  • o perigo de repetir a experiência do Iberocoop, onde a comunidade lusófona sentiu-se preterida, caso fosse construído um hub latinoamericano;
  • a importância de não transformar um hub lusófono em um espaço de influência do Brasil;
  • a urgência de garantir a participação de toda a lusofonia no Movimento Wikimedia;
  • a importância de desenvolver novas lideranças no movimento e a coesão da comunidade para uma maior participação em discussões a nível global e criação de autonomia e identidade na comunidade;
  • a urgência de que tenhamos papéis e responsabilidades muito bem definidos em relação à Estratégia, para que não haja dúvidas sobre quem são aqueles que estão tomando as decisões e como estas decisões estão sendo tomadas.


Encontro III[editar]

O terceiro encontro ocorreu no dia 18/12, às 14h do Brasil e durou até às 16h10. O tema principal do encontro foi o futuro da comunidade lusófona frente às discussões feitas na Festa da Wiki-Lusofonia, tendo também em perspectiva a aprovação do pedido de financiamento para a realização do primeiro WikiCon Brasil, em julho de 2022. Para garantir maior tempo de debate, que ocorreu de maneira diferente dos outros dois encontros, os presentes foram convidados a se apresentar pelo chat do Google Meet, da forma como achassem mais pertinente. Depois de uma introdução da pesquisa, retomando as discussões feitas anteriormente, e uma apresentação da dinâmica do encontro, a wikimedista Érica Azzellini, do Wiki Movimento Brasil, conduziu uma apresentação sobre a Festa da Wiki-Lusofonia e a WikiCon Brasil 2022, fazendo ligações entre estes dois eventos e a estratégia do movimento.

Na dinâmica de grupo, os participantes foram convidados a refletir individual e amplamente sobre as seguintes questões: como imaginamos nossa comunidade em 2030? O que deve continuar e o que deve mudar? Quais são os caminhos possíveis para chegarmos lá?. Esta atividade foi dividida em duas partes e foi conduzida na ferramenta Google Jamboard.


No debate do terceiro encontro, foram levantados pontos como
  • muitos querem colaborar com os projetos Wikimedia, principalmente a Wikipédia, mas não sabem como fazê-lo. Por isso precisamos investir em difusão;
  • a importância de ter uma estrutura de tomadas de decisões que seja equitativa na lusofonia;
  • a dificuldade de participar de reuniões de discussões globais do movimento Wikimedia, tanto por conta da predominância da língua inglesa quanto pela amplitude dos temas debatidos. Nesse sentido, foi questionado se estas reuniões de fato representam o movimento globalmente;
  • a dificuldade de encontrar informações sobre os processos estratégicos globais enquanto eles já estão em andamento;
  • a necessidade de estabelecer relações duradouras com instituições de ensino para fazer com que o movimento Wikimedia em português cresça;
  • a necessidade de gerar um sentimento de pertencimento à comunidade lusófona para que haja engajamento estratégico;
  • a importância de levar em conta dificuldades como a interface dos projetos, a disponibilidade de tecnologias e qualidade do acesso à internet, pois para atrair mais pessoas para o movimento é preciso garantir que os meios necessários sejam acessados.


Encontro com wikimedistas de Moçambique/Wikipedia Emakhuwa[editar]

Em busca por estabelecer contatos mais quantitativos e qualitativos com wikimedistas de fora do Brasil e de Portugal, notavelmente os dois países de maior número na comunidade lusófona da Wikimedia, foram conduzidas conversas com os wikimedistas Tomas Armando e Palmira Revula, de Moçambique. Tomas e Palmira fazem parte do grupo que está desenvolvendo a Wikipedia Emakhuwa, uma nova versão da Wikipédia em língua macua, através da plataforma Wikimedia Incubator. Também foram feitas tentativas de entrar em contato e enviar convites a wikimedistas de outros locais da lusofonia para que participassem das atividades da pesquisa, mas elas não foram efetivas.

Algo que deve ser levado em conta sobre os encontros com Palmira e Tomas é que por lusófonos que sejam, sua relação com o Movimento Wikimedia está ancorada pela língua macua e o desenvolvimento de uma nova Wikipédia nesta língua local. É importante, portanto, separar o fato de o português ser uma língua oficial em seu país de origem dos objetivos e princípios que guiam sua atuação no Movimento Wikimedia. Esta delimitação não impede, no entanto, que seus desafios e conquistas sejam colocados em perspectiva no contexto desta pesquisa.


Nas conversas com Tomas Armando e Palmira Revula, os principais temas abordados foram
  • o sentimento de inacessibilidade e distanciamento da sociedade moçambicana em relação à produção do conhecimento;
  • a ausência de informações sobre as instituições, a história e o patrimônio cultural de Moçambique na Wikipédia em português;
  • a língua portuguesa é apenas uma das mais de 20 línguas faladas localmente e não consta entre aquelas com as quais as pessoas mais se identificam;
  • a língua macua é oral e, no contexto da Wikipédia, surge uma demanda pela padronização da escrita para que as diferentes formas de falar a língua sejam preservadas ao mesmo tempo em que uma forma padronizada de escrita seja definida (algumas pessoas consideram esta padronização a morte da língua);* .
  • a ausência de wikimedistas experientes em Moçambique;
  • a necessidade de mais treinamentos para que a comunidade local aprenda a utilizar as ferramentas dos projetos Wikimedia;
  • a importância do acesso a recursos para a formação de um grupo de usuários voltado às edições e à pesquisa e o financiamento de expedições com o objetivo de registrar o patrimônio cultural moçambicano em fotografias e vídeos que, carregados no Wikimedia Commons, pudessem ser utilizados para ilustrar os verbetes da Wikipédia.
  • dificuldades no acesso à internet e equipamentos, como computadores e celulares, de qualidade para que as pessoas possam editar.

Encontro com grupos de usuários[editar]

As conversas com grupos de usuários foram planejadas para ocorrer em dois encontros, entre os quais os grupos de usuários seriam integrados a partir de sua área de atuação/interesse e visando a diversidade regional. Por conta de dificuldades em coordenar a agenda dos membros dos grupos, ocorreu apenas um encontro. Neste encontro participaram Valério Melo, presidente do Wiki Movimento Brasil, e Flávia Varella, que faz parte do grupo Wikisul e coordena o projeto Mais Teoria da História na Wiki.


Durante o encontro, os principais temas debatidos foram
  • ausência de espaços convidativos à língua portuguesa no movimento a nível global;
  • a necessidade de equipes da Fundação Wikimedia formadas por pessoas que falam português;
  • a preocupação com o fato de poucas pessoas saberem, antes de acabarem se envolvendo mais diretamente com financiamentos ou a organização de grupos de usuários, que a Fundação Wikimedia existe e pode financiar projetos;
  • os limites do debate sobre a diversidade e busca pela incorporação comunidades marginalizadas no movimento, que ao chegarem na Wikimedia encontram uma barreira linguística potente e baseada na língua inglesa;
  • a importância do foco na incorporação e permanência de pessoas ligadas a instituições educacionais no movimento Wikimedia;
  • o desenvolvimento de projetos e iniciativas voltados para a sala de aula, como o projeto Wikipédia na universidade;
  • a busca pela diversificação do movimento Wikimedia poderia ocorrer prioritariamente através de escolas, universidades e do ensino de práticas científicas em sala de aula.

Entrevistas com organizações alinhadas ao conhecimento livre[editar]

Foram entrevistados, on-line e individualmente, membros de 6 organizações alinhadas ao conhecimento livre. As entrevistas foram conduzidas com dois principais objetivos: conhecer os desafios enfrentados por estas organizações em sua relação com o movimento Wikimedia e identificar possibilidades de resolução para estes desafios no contexto da coordenação das partes interessadas e da tomada equitativa de decisões recomendadas pela Estratégia do Movimento.

As pessoas consultadas foram:

Museu Paulista[editar]

O Museu Paulista, também conhecido como Museu do Ipiranga, é um museu histórico ligado à Universidade de São Paulo. A sua relação com a Wikimedia está ancorada pela iniciativa GLAM-Wiki do Museu Paulista, que desde 2017 promove atividades de edição e formação em projetos como a Wikipédia, o Wikidata, o Wikimedia Commons e a Wikiuniversidade. Ao todo, mais de 33 mil itens do acervo já foram carregados nos projetos Wikimedia e mais de 1900 usuários participaram de suas atividades. É possível acompanhar a atuação do Museu Paulista junto ao Movimento Wikimedia através de sua página GLAM-Wiki e conhecer mais sobre suas iniciativas no site institucional. As pessoas entrevistadas foram Rosaria Ono, atual diretora do museu, e Solange Ferraz de Lima, diretora do museu na época da efetivação e em boa parte do desenvolvimento do GLAM-Wiki.


Os principais pontos levantados por Rosaria Ono e Solange Lima foram
  • a ausência de equipes formadas para a curadoria digital e de profissionais especializados no trabalho com as plataformas Wikimedia. Para o Museu Paulista, esta ausência * o trabalho de roundtripping entre dados estruturados sobre o acervo do museu no Wikidata e a plataforma Tainacan;
  • o oferecimento de treinamentos voltados para o trabalho com acervos museológicos em parceria com o movimento Wikimedia.
  • sozinho, o museu não consegue dar conta destas demandas e uma parceria com a Wikimedia e outras organizações, como o próprio Tainacan, seria muito bem-vinda.
  • seria positiva a formação de um grupo onde profissionais de instituições culturais pudessem compartilhar entre si os problemas, necessidades e soluções comuns aos usos que
  • estando o grupo formado, seria possível inclusive encaminhar um pedido grande de financiamento para a Fundação Wikimedia com o objetivo de atender estas demandas em conjunto.


De acordo com Solange Lima, é possível observar duas demandas fundamentais por parte do Museu Paulista. A primeira é a ausência de equipes formadas para a curadoria digital e de profissionais especializados no trabalho com as plataformas Wikimedia. Para o Museu Paulista, esta ausência significa que seu trabalho na Wikimedia depende do auxilio de pessoas externas à sua equipe. Nas palavras de Solange, a parceria entre Wikimedia e Museu Paulista se beneficiaria ao ter alguém "da casa" dedicado a esta interlocução. A segunda questão diz respeito ao roundtripping entre dados estruturados sobre o acervo do museu no Wikidata e a plataforma Tainacan. Para esta questão, no entanto, o museu conseguiu estabelecer parcerias com outras instituições.

Também no sentido da formação e capacitação profissional, Rosaria Ono sugeriu que uma das iniciativas possíveis para esta demanda seria o oferecimento de treinamentos voltados para o trabalho com acervos museológicos em parceria com o movimento Wikimedia. Rosaria também enfatizou algo que Solange havia dito anteriormente: sozinho, o museu não consegue dar conta destas demandas e uma parceria com a Wikimedia e outras organizações, como o próprio Tainacan, seria muito bem-vinda.

Refletindo sobre as possibilidades de efetivação destas parcerias, Solange Lima sugeriu a formação de um grupo onde profissionais de instituições culturais pudessem compartilhar entre si os problemas, necessidades e soluções comuns aos usos que fazem das plataformas Wikimedia. Elaboradas colaborativamente, estas demandas poderiam ser observadas de forma menos fragmentada e colaborar com o conjunto das instituições que desenvolvem iniciativas GLAM-Wiki. Estas instituições poderiam ser colocadas em contato pelo próprio Wiki Movimento Brasil, aproveitando a relação que o grupo já construiu com os arquivos e museus com os quais formou parcerias GLAM-Wiki. Estando o grupo formado, seria possível inclusive encaminhar um pedido grande de financiamento para a Fundação Wikimedia com o objetivo de atender estas demandas em conjunto.

Museu do Futebol[editar]

O Museu do Futebol é um museu sediado no Estádio do Pacaembu, em São Paulo, dedicado a contar a história do desenvolvimento do futebol no Brasil. Sua relaçao com a Wikimedia pode ser observada a partir da iniciativa GLAM-Wiki do Museu do Futebol, iniciada em 2021 e dedicada a disponibilizar o acervo do museu em plataformas como a Wikipédia, o Wikidata, o Wikimedia Commons e o Wikisource. Até o momento, já foram carregadas 98 imagens de seu acervo. Mais informações podem ser encontradas na página do GLAM-Wiki do museu e em seu site institucional. As pessoas entrevistadas nesta consulta foram Doris Regis e Olga Bagatini, que atuam no museu como técnica de documentação analista de comunicação, respectivamente.


Os principais pontos levantados por Doris Regis e Olga Bagatini foram
  • o acervo do Museu de Futebol não é de sua propriedade, sendo formado principalmente por imagens emprestadas temporariamente por outras instituições e pessoas, o que representa um problema de licenciamento das imagensa serem carregadas no Wikimedia Commons.
  • parte significativa do acervo do museu fala sobre temas que não encontram cobertura em um número significativo de fontes secundárias, que passaram por revisões editoriais e foram publicadas em revistas, artigos ou jornais reputados - como estabelecem as regras para o uso de fontes na Wikipédia lusófona. Por mais relevantes que sejam socialmente, pessoas e eventos que contemplam seu acabam não cumprindo com os critérios de notoriedade da Wikipédia.
  • o diálogo com outras instituições GLAM, a partir de um grupo de trabalho, parece ser a melhor saída para que o museu não se sinta solitário diante de seus desafios com a Wikimedia.


De acordo com Doris Regis, a principal dificuldade do Museu do Futebol em relação à sua relação com a Wikimedia diz respeito à natureza de seu acervo. O acervo do Museu de Futebol não é de sua propriedade, sendo formado principalmente por imagens emprestadas temporariamente por outras instituições e pessoas. Essa questão de propriedade do acervo representa um problema de licenciamento das imagens, que sem a permissão dos proprietários não podem ser carregadas no Wikimedia Commons. Desta forma, o museu não estaria cumprindo sua principal motivação para estabelecer uma parceria com a Wikimedia: ampliar o público que tem acesso às histórias que seu acervo conta.

Olga Bagatini também apontou uma dificuldade em relação à edição de artigos na Wikipédia, referente às editatonas organizadas pelo Museu do Futebol. Uma parte bastante interessante do acervo do museu fala sobre temas que não encontram cobertura em um número significativo de fontes secundárias, que passaram por revisões editoriais e foram publicadas em revistas, artigos ou jornais reputados - como estabelecem as regras para o uso de fontes na Wikipédia lusófona. Desta forma, o museu acaba não conseguindo dar visibilidade àquela parte de seu acervo que está relacionada ao futebol paralímpico, ao futebol feminino e ao jornalismo esportivo feito por mulheres. Por mais relevantes que sejam socialmente, pessoas e eventos relacionados a estas temáticas acabam não cumprindo com os critérios de notoriedade da Wikipédia.

Em relação às possíveis soluções para os problemas que o Museu do Futebol enfrenta, o diálogo com outras instituições GLAM parece ser a melhor saída. A construção de um grupo de trabalho destinado à troca de informações entre instituições como bibliotecas e museus colaboraria para sanar dificuldades relativas à relação do museu com a Wikimedia e para quebrar com um sentimento de solidão em relação aos problemas enfrentados.

InternetLab[editar]

O InternetLab é um centro independente e sem fins lucrativos de pesquisa em direito e tecnologia sediado em São Paulo, no Brasil. Atua, principalmente, articulando diferentes sujeitos e organizações visando a elaboração de políticas públicas ligadas à Internet. Os projetos desenvolvidos no InternetLab estão divididos tematicamente em privacidade e vigilância; liberdade de expressão; informação e política; desigualdades e identidades; e cultura e conhecimento. Os diferentes projetos, eixos de atuação e atividades desenvolvidas pelo InternetLab podem ser encontrados no site oficial. Recentemente, o InternetLab firmou uma parceria para a contratação de uma bolsista de pós-doutorado com financiamento da Fundação Wikimedia. A pessoa entrevistada nesta consulta foi Mariana Valente, que atua na organização como Diretora.


Os principais pontos levantados por Mariana Valente foram
  • a importância de buscar formas de engate e comunicação entre a atuação do InternetLab e a Wikimedia;
  • desenvolvimento de uma prática de troca de informações baseada em um espaço propício para o diálogo entre organizações;
  • a busca por uma agenda positiva para o conjunto do conhecimento livre;
  • transversalização da busca por maior diversidade no conhecimento livre.


Para Mariana Valente, um dos principais desafios da relação entre o InternetLab e a Wikimedia é a construção de engates, conexões entre as duas partes. Sem tempo voluntário o suficiente para o engajamento em questões internas aos projetos Wikimedia, como a escrita de artigos e as decisões sobre regras e recomendações da Wikipédia, o trabalho executado pelo InternetLab poderia conectar-se melhor à Wikimedia a partir de duas frentes principais: uma prática de trocas de informação mais aquecida e o desenvolvimento de um espaço de diálogo e iniciativas em conjunto com outras organizações. Nesse sentido, dois temas parecem ser os de maior interesse: o desenvolvimento de políticas para a internet, principalmente no que se refere aos direitos autorais, e uma abordagem transversal para a diversidade no conhecimento.

O benefício de uma prática mais aquecida de trocas de informação seria o compartilhamento de produções e iniciativas de interesse comum, o que também está ligado à ideia do desenvolvimento de um espaço de diálogo. Dando o exemplo do formato de conselhos, Mariana Valente defendeu a importância da existência de um espaço específico para o compartilhamento destas produções e interesses e afirma que o InternetLab poderia auxiliar a Wikimedia, por exemplo, na identificação de políticas que afetam o desenvolvimento do movimento e, em retorno, obter conhecimento sobre o funcionamento do movimento. Um aspecto central nesta relação seria chamar atenção para outras formas de se produzir internet, que não sejam voltadas exclusivamente para relações comerciais, mas abordem, por exemplo, a importância da disponibilização de acervos de museus em licenças livres.

Outro aspecto que chama atenção na fala de Mariana Valente é a busca por uma agenda mais positiva para o conhecimento livre, no sentido de gerar debates sobre diferentes possibilidades e iniciativas para seu fortalecimento, em vez do constante engajamento na luta por sua sobrevivência, para o qual utilizou a metáfora de apagar incêndios. Uma das formas de fortalecer o ecossistema do conhecimento livre seria a valorização e troca do conhecimento e experiência que os diferentes atores podem compartilhar entre si; e um diálogo mais fortalecido com a Wikimedia seria central no desenvolvimento desta agenda positiva, já que a Wikimedia é o que tem de melhor na internet hoje.

Dentro deste espaço de diálogo para a elaboração de iniciativas e soluções em conjunto para o conhecimento livre, um aspecto essencial seria o direcionamento das iniciativas e da formação de quadros para a diversidade. Nesse sentido, Mariana Valente defende a transversalização da preocupação com a diversidade, para que ela se torne uma tarefa comum ao conhecimento livre no que se refere à composição dos espaços, dos problemas de pesquisa e dos temas das atividades desenvolvidas neste ecossistema. Quando falamos de conhecimento e de sua produção, é importante identificar quem produz este conhecimento, para quem ele é destinado e quem ele tem acesso a ele.

Open Knowledge Brasil[editar]

A Open Knowledge Brasil (OKBR) é o capítulo brasileiro da Open Knowledge Internacional. A OKBR é uma instituição sem fins lucrativos que tem como missão a promoção do conhecimento livre e o desenvolvimento de iniciativas ligadas ao jornalismo de dados, políticas públicas e ferramentas cívicas. Seus eixos de atuação são advocacy e pesquisa, inovação cívica e a escola de dados. Mais informações sobre a organização podem ser encontradas em seu site institucional. A pessoa entrevistada nesta consulta foi Fernanda Campagnucci, diretora-executiva da OKBR.


Os principais pontos levantados por Fernanda Campagnucci foram
  • o desconhecimento sobre oportunidades de parcerias ou pedidos de financiamento com o movimento Wikimedia;
  • a falta de fluxos informacionais a nivel institucional;
  • a possibilidade de pensar iniciativas em conjunto com o movimento Wikimedia.


De acordo com Fernanda, a Open Knowledge não tem demandas específicas ligadas à Wikimedia; principalmente pelo fato de a organização não estar organicamente ligada ao Movimento Wikimedia através de algum projeto ativo que coloque as duas partes em um diálogo direto. Por outro lado, como duas partes do ecossistema do conhecimento livre, Open Knowledge e Wikimedia estariam conectadas por valores em comum. Fernanda lembra, no entanto, que enquanto a Wikimedia funciona como uma comunidade, a Open Knowledge tem o caráter de organização.

Outro ponto de desconexão entre a Open Knowledge e Wikimedia seria a ausência de oportunidades de acesso a recursos e o desconhecimento sobre possibilidades de conseguir financiamentos, bolsas e editais com a Fundação Wikimedia. E o principal motivo desta desconexão seria a falta de fluxo de informações: não recebo nenhuma newsletter, eu não sei se tem newsletter, e como eu já estive conectada no passado com algumas pessoas, eu vejo alguma notícia, mas institucionalmente eu não acesso. Este distanciamento não significa, no entanto, que a OKBR não vislumbre mais diálogos ou parcerias com a Wikimedia. Nas palavras de Fernanda, a gente [OKBR] ficaria muito feliz em em começar a fazer parte, começar a pensar juntos, mas no momento não estou enxergando essas essas possibilidades.

Fernanda também compartilhou um dos desafios da atuação institucional da OKBR, que se refere à conjuntura política brasileira. A urgência de focar a atuação da organização em políticas de transparência da informação sobrecarrega sua agenda. Dessa forma, a OKBR acaba se distanciando de outras frentes importantes, como os direitos autorais, e de uma maior possibilidade de diálogo e trocas com o ecossistema do conhecimento livre como um todo.

Raul Hacker Club[editar]

O Raul Hacker Club é um Hacker Space sediado em Salvador, na Bahia. Seus principais interesses são a remixagem, o uso e o compartilhamento de "tecnologia, aprendizado, diversão e cultura". Para que estes interesses sejam executados, o grupo desenvolve infraestruturas pautadas pela autonomia e descentralização, além de oferecer um espaço físico para a realização de eventos. De acordo com a concepção do grupo, o conhecimento não apenas deve, mas quer ser livre. Mais informações podem ser encontradas no site do Hacker Club. A pessoa entrevistada foi Karina Menezes, integrante do Raul Hacker Club, professora e militante pelo software livre, que mesmo não falando em nome do grupo concordou gentilmente em participar da consulta como uma das pessoas envolvidas em sua infraestrutura.


Os principais pontos levantados por Karina Menezes foram
  • a disponibilidade de tempo voluntário que a Wikimedia demanda;
  • a dificuldade de colaboração por conta da falta de clareza nas regras dos projetos;
  • a possibilidade de criação de canais abertos de comunicação, organizados tematicamente a partir dos diferentes interesses dos envolvidos com a Wikimedia


De acordo com Karina, por mais simpáticas que sejam à Wikimedia, as pessoas que integram o Raul Hacker Club são voluntárias e geralmente não dispõem do tempo necessário para participar de atividades ligadas ao movimento Wikimedia. Mesmo assim, garantiu que sua participação acontece sempre quando demandada e dentro das possibilidades de cada um.

Uma das principais dificuldades identificadas por ela em sua relação com a Wikimedia é a compreensão das diversas regras e dinâmicas dos projetos. Como voluntária, ela acaba levando muito tempo para procurar e compreender estas regras, o que faz com que o tempo disponível para ser dedicado à edição e à colaboração acabe diminuindo significativamente. Nesse sentido, algo que a afasta de uma relação mais próxima da Wikimedia é a falta de clareza em relação a como contribuir com os projetos. Um exemplo prático é o Wikimedia Commons, onde publicou uma foto do Hacker Club para a qual foi exigida a comprovação da liberação dos direitos autorais. Karina relata que, mesmo tento a liberação, não conseguiu ter uma comunicação satisfatória com os editores para que pudesse compreender de fato o que deveria ser feito. Para ela, uma comunicação mais assertiva, com instruções mais bem explicadas poderia ter contribuído para o sucesso da publicação da imagem. Outro aspecto desta relação com o Commons seria a necessidade de conhecimentos prévios em relação às licenças Creative Commons.

Como professora, uma de suas principais demandas seria um canal aberto de comunicação com outros professores que coordenaram projetos na Wikipédia para que dificuldades, dúvidas e demandas pudessem ser compartilhadas e sanadas em conjunto. Nesse sentido, Karina também acredita ser importante que sejam construídos canais de comunicação entre grupos dedicados ao conhecimento livre, como os Hacker Clubs, que fossem focados em compartilhar e sanar as diversas demandas destes grupos em relação à Wikimedia. Esta seria uma forma de os grupos terem acesso a espaços onde seus problemas serão melhor compreendidos por conta de sua relação próxima com os usos que os outros grupos fazem dos projetos.

Polo CLEPUL da Madeira[editar]

O CLEPUL é o Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias, da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Em parceria com a Universidade da Madeira, o CLEPUL também tem um Polo na cidade de Funchal, na Região Autônoma da Madeira, em Portugal. A pessoa entrevistada foi Paulo Perneta, que é wikimedista e pesquisador vinculado ao Polo CLEPUL da Madeira.


Entre os principais pontos levantados por Paulo Perneta estão
  • a relação dos acadêmicos com as licenças livres de usos comerciais;
  • a capacitação de mais pessoas para a coordenação de projetos em parceria com a Wikimedia;
  • o desenvolvimento parcerias com instituições da África Lusófona e das Canárias


De acordo com Paulo uma das dificuldades no trabalho de parceria entre acadêmicos portugueses e o movimento Wikimedia diz respeito às licenças livres utilizadas nos projetos. Em sua perspectiva, por mais que os acadêmicos tenham admiração pelas licenças Creative Commons, ainda há resistência em relação àquelas que permitem uso comercial, como é o caso das licenças utilizadas nos projetos Wikimedia. E a principal razão para esta resistência poderia ser o receio dos acadêmicos de que alguém acabe lucrando em cima de seus trabalhos.

Como membro do CLEUPUL, Paulo também reconhece a necessidade de mais pessoas especializadas no trabalho com a Wikimedia em seus quadros. As especificidades dos projetos Wikimedia pedem alguns conhecimentos prévios para a coordenação de iniciativas por parte dos acadêmicos. E quando não há um número significativo de pessoas especializadas e experientes na coordenação de atividades educacionais ou de pesquisa na Wikimedia, o poder de ação das instituições acaba sendo menor do que poderia ser.

Em relação às possibilidades de iniciativas e participação do Polo CLEPUL da Madeira no movimento Wikimedia, Paulo afirmou ver potencial de impacto nas parcerias com instituições de lugares como as Canárias, os Açores, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe. O principal motivo para a busca com estas parcerias seria o contexto compartilhado entre estas regiões, que estão muito distantes dos grandes centros de decisão, inclusive em distintos continentes.

Análise[editar]

Apresentados os dados recolhidos durante a pesquisa, nesta seção eles serão analisados com o fim de encaminhar, na seção seguinte, algumas conclusões. Os dados levantados serão analisados a partir de sua relação com as recomendações da equidade nas tomadas de decisão e da coordenação entre as partes. Tomando os hubs como a estrutura para a implementação desta prática equitativa e coletiva de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade Wikimedia em português, finalmente os resultados das análises serão traduzidos em desafios para a sua implementação e possibilidades que eles oferecem para a comunidade.

Equidade nas tomadas de decisão[editar]

Cquote1.svg Equidade é tratar todas as pessoas de forma justa, com base em suas respectivas circunstâncias e considerando as barreiras que impedem que tenham o mesmo nível de realização, o que difere de tratar todos igualmente. Cquote2.svg
Tomando por base a definição de equidade apresentada pelo Glossário da Estratégia, a pergunta a ser respondida nesta seção é: de acordo com os dados levantados durante a pesquisa, quais são os desafios e possibilidades relativos à garantia do mesmo nível de realização entre aqueles envolvidos nas tomadas de decisão sobre os rumos do movimento Wikimedia em língua portuguesa?

Compreender, a partir dos dados levantados, os desafios e possibilidades relativos à equidade nas tomadas de decisão passa por buscar identificar se há concordâncias e/ou discordâncias dos participantes com a ideia de equidade e em que medida as atuais dinâmicas do movimento Wikimedia a nível da comunidade lusófona e a nível global estão ou não correspondendo a esta recomendação. Enquanto os dados apontam a concordância com o princípio da equidade, o principal desafio para que haja o mesmo nível de realização na participação em tomadas de decisão sobre os rumos do movimento Wikimedia em português parece transitar entre problemas de comunicação e a desinformação.

Concordâncias[editar]

Durante a aplicação do questionário, foram feitas questões específicas sobre a concordância dos respondentes com situações que pressupunham a existência de equidade nas tomadas de decisão. Na pergunta 17 do questionário, a maioria dos respondentes afirmou discordar ou concordar parcialmente com a afirmação de que os critérios de financiamento para as comunidades Wikimedia deveriam ser universais em vez de levar em conta a especificidade de cada região. Levando em conta que um princípio universal de financiamento, que valha para todas as comunidades, visa a igualdade e não a equidade, é possível identificar a tendência à concordância com o princípio da equidade nos financiamentos.

Também a questão 18 do questionário aponta uma tendência à concordância com o princípio da equidade. A maioria dos respondentes concordou parcial ou totalmente com a afirmação de que subsídios do movimento deveriam ser destinados àquelas e aqueles que, em momentos de tomadas de decisão, precisem alugar equipamentos, contratar pacotes de dados de internet e contratar cuidadores para que seus filhos fossem assistidos durante o processo. Na questão 19, a tendência à concordância com o princípio da equidade foi mantida pela maioria de respostas que concordaram parcial ou totalmente que as diretrizes gerais para o movimento Wikimedia a nível global devem ser aplicadas pelas comunidades a partir de suas especificidades.

Discordâncias[editar]

Por mais que não tenham aparecido discordâncias específicas em relação à ideia de equidade no questionário, elas podem estar camufladas em questões referentes à diversidade. As respostas à questão 22, por exemplo, apontam que a maioria dos respondentes considera que a experiência deve se sobrepor à diversidade no momento da conformação dos espaços de tomadas de decisão sobre os rumos do movimento Wikimedia em português. Esta ponto toca a equidade a partir do momento em que esta sobreposição da experiência à diversidade poderia acabar por inviabilizando que novas vozes sejam incorporadas nos espaços de tomadas de decisão, fazendo com que grupos marginalizados no movimento Wikimedia permaneçam sem ter o mesmo nível de realização que os grupos mais frequentemente ativos no movimento.

Comunicação[editar]

Como foi afirmado na apresentação desta seção, a comunicação, ao lado da desinformação, parece ser o grande desafio da comunidade lusófono para a garantia da equidade nas tomadas de decisão. E os dados levantados durante a pesquisa parecem indicar que as formas como a comunidade lusófona se comunica com o movimento Wikimedia a nível global têm como principal consequência a sua desinformação.

Durante o processo de consulta, foram relatadas dificuldades de compreensão sobre o processo estratégico por conta das formas como ele foi documentado, fazendo com que seja difícil encontrar as informações necessárias, ou até mesmo informações em português por conta das traduções inexistentes, ou incompletas. Neste mesmo sentido, foi relatada dificuldade de participação em espaços de discussão a nível global por conta da utilização da língua inglesa como língua universal para o movimento Wikimedia e consequente inacessibilidade destas discussões para aqueles que não falam inglês. A falta de discussões feitas em língua portuguesa, ou com a possibilidade de traduções simultâneas para o português, portanto, é um desafio para que a comunidade lusófona tenha assegurado o mesmo nível de realização atingido por comunidades falantes de inglês, ou que historicamente têm o inglês como uma segunda língua bem difundida entre seus membros.

No entanto, não apenas a língua inglesa foi apresentada como uma barreira. É também qualitativo o dado, apresentado no primeiro encontro aberto à comunidade, sobre o encontro em língua espanhola com Maryana Iskander, nova CEO da Fundação Wikimedia. O principal efeito destas questões, como relatado nos encontros abertos à comunidade, é o sentimento de desconexão da comunidade em português com o resto do movimento. Este sentimento também parece estar conectado com a sensação de que a palavra hubs não diz respeito ao contexto lusófono e não comunica à comunidade aquilo que os hubs de fato respresentam.

Retomando aquilo que Palmira Revula e Tomas Armando relataram nas conversas sobre a Wikipédia Emakhwa, alguns dados importantes para a reflexão sobre a relação entre a comunicação e a equidade são

  • a falta de internet, computadores e celulares de qualidade;
  • a falta de wikimedistas experientes em Moçambique;
  • as formas como a população local se relaciona com a ideia de produzir conhecimento e sua desconexão com a Wikimedia;
  • a relação da comunidade local com a língua macua a língua portuguesa.

Neste contexto apresentado acima, é relevante questionar quais são as possibilidades de níveis de realização de wikimedistas Moçambicanos, tanto no contexto da Wikimedia em português quanto no contexto da Wikimedia global. Para além dos desafios elencados por Tomas e Palmira, wikimedistas que busquem informações em macua ou em português sobre a estratégia do movimento, ou busquem implementar alguma de suas iniciativas prioritárias, enfrentariam uma barreira linguística significativa.

Desinformação[editar]

Estas dificuldades relativas à comunicação, portanto, têm uma relação significativa com a desinformação da comunidade Wikimedia em português. Um dado bastante relevante sobre a desinformação da comunidade lusófona são as respostas à pergunta 7 do questionário, onde 50 dos 97 respondentes afirmaram nunca haver acessado qualquer informação sobre a Estratégia do Movimento antes de ter contato com as atividades da pesquisa. Ao ser questionada sobre os possíveis motivos para nunca haverem acessado estas informações, a maioria dos respondentes afirmou que por maior que seja seu interesse nas informações sobre os bastidores do movimento Wikimedia, não sabem onde encontrá-las.

Coordenar as partes interessadas[editar]

Cquote1.svg Parte interessada é toda pessoa que tenha alguma participação na realização da visão do Movimento. Mais precisamente, o termo inclui as comunidades online e offline, grupos organizados, como afiliados e a Fundação Wikimedia, e membros do nosso ecossistema mais amplo, como parceiros e aliados. Cquote2.svg
Tomando por base a definição de parte interessada apresentada pelo Glossário da Estratégia, a pergunta a ser respondida nesta seção é: de acordo com os dados levantados durante a pesquisa, quais são os desafios e possibilidades relativos à coordenação entre as diferentes partes envolvidas nas tomadas de decisão sobre os rumos do movimento Wikimedia em língua portuguesa?

Compreender, a partir dos dados levantados, os desafios e possibilidades relativos à coordenação das partes interessadas passa por compreender quais foram as partes interessadas envolvidas nesta pesquisa e de que maneira elas se relacionam com o movimento Wikimedia. E os dados levantados, principalmente no questionário, apontam dois principais vieses que devem ser levados em conta e problematizados: o viés das edições e o viés brasileiros.

Para além da identificação e problematização destes vieses, um ponto recorrente, representando um dado quantitativo e qualitativo relativo à coordenação entre as partes interessadas, é a forte tensão na relação entre a Fundação Wikimedia e a comunidade lusófona. A Fundação foi constantemente criticada durante as atividades principalmente no que se refere à sua forma de se comunicar com a comunidade e alguns participantes do questionário chegaram a questionar sua legitimidade.

Viés da edição[editar]

Os dados levantados na pergunta 4 do questionário mostram que 91 das 97 dos respondentes identificam a edição como sua forma de se relacionar com o movimento Wikimedia em português. É provável que este número esteja refletido na resposta à questão 16 do questionário, onde a maioria das respostas afirmou acreditar que a posição dos editores deve se sobrepor à posição de outras partes interessadas no momento de tomar decisões sobre os rumos do movimento. Outro fator a ser levado em conta para este viés são as formas de divulgação do questionário, que foi circulado, principalmente, em espaços ocupados por editores, como as Esplanadas dos projetos, uma mensagem em massa para editores da Wikipédia e grupos de wikimedistas em redes sociais como o Telegram, o Slack e o Facebook.

Ao mesmo tempo, este viés da edição pode ter levado alguns dos respondentes a sobrepor a perspectiva da edição à perspectiva da governança do movimento. Como pode ser visto nas respostas ao campos abertos das questões da seção de diversidade do questionário, muitos respondentes questionaram a identificação de pessoas negras, indígenas e com deficiência e de mulheres para editar. Neste ponto, é importante lembrar que nos espaços da governança do movimento, onde decisões sobre seus rumos são tomadas, as pessoas são identificadas a partir de seus nomes e sua imagem. Os membros do Conselho de Admnistração da Fundação Wikimedia e do Comitê de Rascunho da Carta do Movimento, por exemplo, não participam anonimamente das reuniões e das decisões a partir de seus nomes de usuários na Wikipédia.

No entanto, para além desta sobreposição, uma outra questão pode ter pesado para este tipo de posicionamento: a má comunicação do questionário em relação a quais decisões estavam sendo colocadas em perspectiva. E esta constatação se dá, principalmente, pela leitura de diversas críticas sobre as formas como as perguntas foram feitas; tanto ao final do questionário, no campo aberto para comentários, quanto em mensagens enviadas diretamente pelas redes sociais. Fica aqui registrado, portanto, o agradecimento àquelas e aqueles que se dispuseram a compartilhar suas críticas construtivas sobre as formas como a pesquisa foi conduzida.

Viés brasileiro[editar]

Os dados da seção de perfil do questionário apontam para uma participação maioritariamente brasileira. Este viés pode ser observado principalmente no que se refere à pergunta 1, cujas respostas mostram um 77 brasileiros em relação a 11 portugueses e apenas uma pessoa de países como França, Moçambique, Itália, Cabo Verde, Peru, Angola, Espanha, Uruguai e Estados Unidos. Em relação aos países lusófonos, portanto, a participação brasileira foi 7 vezes maior que a portuguesa e 77 vezes maior do que Cabo Verde, Angola e Moçambique.

Este viés também se confirma em relação aos afiliados, pois o Wiki Movimento Brasil teve maioria com 20 membros respondendo ao questionário. Este número representa uma proporção 5 vezes maior de respostas do Wiki Movimento Brasil do que a outra afiliada lusófona, a Wikimedia Portugual. Os dois grupos de usuários entrevistados, Wikisul e Wiki Movimento Brasil, também são brasileiros. Já as organizações entrevistadas foram 5 brasileiras e 1 portuguesa. Neste ponto, vale ressaltar que foram procuradas organizações e grupos de usuários afiliados e informais de outros lugares da lusofonia, mas por motivos diversos não foi possível entrevistá-los.

Dados relativos à influência do Brasil na comunidade também puderam ser observados no segundo encontro aberto à comunidade, onde apareceu a preocupação com a garantia de que um hub lusófono garanta a participação de toda a lusofonia, desenvolvendo novas lideranças no movimento para além do Brasil e equilibrando a participação de grupos vindos de outras regiões nas tomadas de decisão sobre os rumos do movimento. Outra questão que envolve o Brasil no sentido dos hubs é seu posicionamento diante da lusofonia e da América Latina, entre a língua falada e a região. Como pôde ser observado nos encontros, existe uma preocupação significativa sobre como Wiki Movimento Brasil e Wikimedia Portugal poderão coordenar seus diferentes interesses no que se refere à formação de um hub linguístico ou um hub regional.

Estes dados, obviamente, devem ser levados em consideração a partir da proporção populacional e de questões históricas, políticas e econômicas de cada país de língua portuguesa. Ainda assim, eles pode, representar um desafio na coordenação entre grupos de usuários, editores, afiliados e organizações do conhecimento livre e das demandas relativas às diferentes localidades regiões envolvidas na lusofonia.

A Fundação Wikimedia[editar]

A comunicação entre a comunidade lusófona e a Fundação Wikimedia parece ser um dos maiores problemas de coordenação entre as partes interessadas. Os dados da pergunta 10 do questionário apontam que a maioria dos respondentes desaprova a comunicação da Fundação Wikimedia, como pode ser observado no gráfico.

Este tema também foi explorado durante os encontros com a comunidade, onde foram levantados pontos como

  • a necessidade de melhor documentação sobre a Estratégia do Movimento;
  • o desconhecimento sobre a existência da Fundação Wikimedia;
  • a urgência de contratar mais pessoas falantes de língua portuguesa;
  • o sentimento de isolamento da comunidade lusófona por não conseguir acessar o movimento a nível global em língua portuguesa.

A má avaliação da Fundação Wikimedia, para além de sua comunicação com a comunidade, também foi tema das respostas à última seção do questionário, dedicada a comentários adicionais por parte dos respondentes. Tomando o cuidado de não replicar as mensagens diretamente a fim de evitar qualquer possibilidade de identificação, os comentários relacionados à Fundação tratavam de questões como

  • os altos salários pagos pela Fundação Wikimedia a seus funcionários;
  • falta de transparência em sua atuação;
  • a necessidade de que ela seja controlada pelos editores;
  • a necessidade de abolição da Fundação Wikimedia e a construção de uma nova estrutura em seu lugar;
  • sua atuação parasitária (sic) diante das comunidades;
  • a caracterização de sua atuação como desastrosa e um câncer (sic) para o movimento Wikimedia.

A partir destes dados, levando também em conta que 91 dos 97 respondentes ao questionário identificaram-se como editores dos projetos Wikimedia, é possível encontrar um problema não apenas de comunicação, mas também de relacionamento entre duas partes interessadas no movimento. Coordenar a relação e os interesses da comunidade de editores e da Fundação Wikimedia, portanto, parece ser um desafio importante.

Conclusão[editar]

Esta pesquisa buscou responder à seguinte questão: quais são os desafios e possibilidades para a implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão sobre os rumos da comunidade do Movimento Wikimedia em português?. Para que o resultado fosse atingido, entre novembro e dezembro de 2021 as seguintes atividades foram desenvolvidas

  • um questionário de pesquisa;
  • três encontros abertos à comunidade;
  • encontros com grupos de usuários;
  • entrevistas com organizações alinhadas ao conhecimento livre.

Levantados os dados destas atividades, a análise foi feita a partir de sua relação com as recomendações estratégicas da equidade nas tomadas de decisão e da recomendação entre as partes.

A partir dos dados levantados, e levando em conta que os ''hubs'' são a estrutura que visa garantir a ''implementação de uma prática coletiva e equitativa de tomadas de decisão'' nas comunidades Wikimedia, é possível concluir que, caso a comunidade lusófona do movimento Wikimedia decidisse por implementar um ''hub'' para coordenar a sua governança, precisaria estar atenta aos seguintes desafios e poderia explorar as seguintes possibilidades


Desafios


  • a ideia de que, nas instâncias de tomada de decisões, a experiência deve se sobrepor à diversidade;
  • a desinformação da comunidade sobre a Estratégia do Movimento;
  • a comunicação e a relação insatisfatórias com a Fundação Wikimedia;
  • a falta de equipamentos e internet de qualidade para a participação de todos os interessados;
  • a coordenação entre a posição dos editores e de outras partes interessadas na comunidade;
  • a forte influência brasileira na comunidade;
  • a desconexão com o movimento Wikimedia a nível global;
  • a falta de autonomia e identidade em relação à Estratégia do Movimento;
  • a coordenação entre os interesses da afiliada brasileira (Wiki Movimento Brasil) e a afiliada portuguesa (Wikimedia Portugal) em implementar um hub lusófono e um hub regional, respectivamente;
  • a necessidade de colocar as diferentes partes interessadas no movimento em contato.


Possibilidades


  • o desenvolvimento de atividades de capacitação de lideranças na comunidade;
  • o equilíbrio entre lideranças brasileiras e lideranças de outras partes da lusofonia na comunidade;
  • o investimento na difusão sobre o movimento Wikimedia;
  • a conexão entre as partes interessadas no movimento Wikimedia em português;
  • o interesse que a comunidade mostrou em debater tópicos ligados à Estratégia do Movimento;
  • a tendência à concordância da comunidade com o princípio da equidade nas tomadas de decisão;
  • a disponibilização de equipamentos e internet de qualidade para aqueles que precisarem;
  • a troca de informações entre a comunidade e o movimento Wikimedia a nível global;
  • a intermediação entre a comunidade e a Fundação Wikimedia;
  • a representação equitativa da comunidade lusófona em relação a outras comunidades em discussões e eventos do movimento a nível global.

Recomendações para pesquisas futuras[editar]

Diversos aprendizados foram sendo acumulados durante o desenvolvimento desta pesquisa. Como forma de garantir o melhor andamento de pesquisas futuras sobre a Estratégia do Movimento na comunidade lusófona, mas também para além da Estratégia, estes aprendizados são traduzidos em recomendações nesta última seção.

Fazer um diagnóstico prévio sobre o tema a ser pesquisado[editar]

Este diagnóstico já é parte da pesquisa e serve tanto para compreender o tema a ser pesquisado quanto para identificar o nível de conhecimento da comunidade acerca daquilo que se quer saber. Nesta pesquisa, por exemplo, uma das principais dificuldades enfrentadas foi a falta de conhecimento sobre a Estratégia do Movimento - tanto por parte dos entrevistados quanto por parte do pesquisador. Isto levou, por exemplo, às dificuldades na compreensão do questionário por diversos respondentes: ao mesmo tempo em que o questionário não era claro em relação àquilo que perguntava, os participantes não tinham experiência suficiente para deduzir algumas informações que estavam faltando e assim compreender melhor o contexto das perguntas.

Planejar a longo prazo[editar]

Este desconhecimento sobre a Estratégia do Movimento é sintomático da relação que a comunidade lusófona teve com o processo estratégico e acabou implicando também em uma prática de learning by doing, em que o conhecimento sobre o tema do qual se tratava a pesquisa ia sendo adquirido de acordo com seu andamento. Por conta disso, foi identificado que um período maior dedicado à pesquisa, onde se pode estudar o tema com mais tranquilidade, identificar pontos que necessitam maior aprofundamento e buscar os meios para aprofundá-los, teria sido benéfico.

(In)formação da comunidade[editar]

A baixa participação da comunidade lusófona no processo estratégico também trouxe às atividades um caráter formativo, por mais limitado que tenha sido. Em todas as atividades da pesquisa, houve a necessidade de retomar pontos básicos da Estratégia do Movimento, recorrer às definições presentes nas documentações e fazer um estudo aprofundado sobre o processo para garantir que os participantes tivessem a melhor experiência possível e que os dados levantados fossem da melhor qualidade. Neste sentido, soma-se ao aprendizado sobre o tempo de pesquisa a ideia de que, por conta do histórico de baixa participação da comunidade lusófona no processo estratégico, as atividades de pesquisa ou implementação da Estratégia do Movimento devem levar em conta a necessidade de capacitar e informar previamente seus participantes. Pelo mesmo motivo, outra recomendação é a criação e manutenção de canais de comunicação e trocas de informação entre os participantes da pesquisa e com outras pessoas do movimento, inclusive de outras comunidades, para que experiências sejam trocadas e o engajamento nas discussões seja garantido.

WikiCon Brasil 2022[editar]

Uma iniciativa que está fortemente ligada à (in)formação da comunidade é a WikiCon Brasil, a primeira conferência Wiki da história brasileira. Com um financiamento aprovado pela Fundação Wikimedia, a WikiCon Brasil será um evento de caráter estratégico. Não apenas por conta do conteúdo do projeto e sua ligação com a Estratégia do Movimento, mas porque juntará wikimedistas de todo o Brasil para pensar sobre o movimento Wikimedia e debater saídas para a comunidade lusófona, especificamente sua parcela brasileira. No contexto da não participação lusófona no movimento estratégico, a WikiCon pode ser uma plataforma para que a comunidade avance na formação de lideranças, discussão sobre o futuro da comunidade, pensamento crítico sobre o conhecimento livre e o movimento Wikimedia e a construção do protagonismo da lusofonia no movimento Wikimedia globalmente. Pesquisas futuras, portanto, podem e devem levar em conta o significado histórico desta conferência e seu impacto nas formas como a lusofonia se compreende e se organiza enquanto comunidade Wikimedia.

Interatividade[editar]

Por fim, durante as atividades foi constatado que vale a pena apostar em formas mais interativas de coletas de dados, propondo, para além de conversas e debates, algumas tarefas colaborativas para os participantes. Foi este aprendizado que levou à decisão de mudar a metodologia de consulta para o terceiro encontro aberto com a comunidade. Neste encontro, os participantes foram convidados a preencher uma página da ferramenta Google Jamboard com notas adesivas e, posteriormente, fazer comentários sobre o que viam no quadro. Esta atividade rendeu conversas e discussões bastante frutíferas e manteve os participantes por mais tempo na sala do Google Meet.