Discussão:Carta de Princípios

Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil
Ir para navegação Ir para pesquisar

Adesões[editar]

  1. Solstag 04:25, 5 February 2009 (UTC)
  2. Ozymandias 09:44, 5 February 2009 (UTC)
  3. Thomas de Souza Buckup 15:23, 5 February 2009 (UTC)
  4. Rodrigo Tetsuo Argenton m 20:27, 9 February 2009 (UTC)
  5. Nevinho 18:32, 10 February 2009 (UTC)
  6. Alex Pereira falaê 19:08, 10 February 2009 (UTC)
  7. Rautopia 22:38, 11 February 2009 (UTC)
  8. Tom 23:43, 26 February 2009 (UTC)
  9. Gustavo D'Andrea 01:48, 27 February 2009 (UTC)
  10. Nathalia 05:23, 28 February 2009 (UTC)
  11. Tosão 13:58, 1 March 2009 (UTC)
  12. Guduran 22:34, 12 March 2009 (UTC)
  13. Pietro Roveri 13:32, 14 March 2009 (UTC)
  14. Everton3x 15:58, 17 March 2009 (UTC)
  15. Varela 22:47, 4 April 2009 (UTC)
  16. Carolina de Araujo Monteiro
  17. Ahaportugal 16:18, 28 April 2009 (UTC)
  18. FORNER 9:30, 12 May 2009 (UTC)
  19. Rmesquita 14:26, 12 May 2009 (UTC)
  20. Juliana lima 16:29, 27 May 2009 (UTC)
  21. Deyvid Setti 00:59, 4 June 2009 (UTC)
  22. Luiza Teles 01h56min de 25 de setembro de 2011 (UTC)
  23. MetalBRasil @ # 02h20min de 25 de setembro de 2011 (UTC)
  24. CasteloBrancomsg 05h17min de 25 de setembro de 2011 (UTC)
  25. Lechatjaune 14h14min de 25 de setembro de 2011 (UTC)
  26. Rjclaudio 15h46min de 1 de outubro de 2011 (UTC)
  27. Vini 175 16h22min de 16 de outubro de 2011 (UTC)
  28. Jaider Msg 22h09min de 20 de outubro de 2011 (UTC)

Sugestões[editar]

Pequeno aprimoramento significativo[editar]

Aproveito este último momento enquanto não batemos todos os martelos (acho que já batemos o de madeira e de ferro, mas falta o de ouro) nesta carta de princípios e propor uma releitura do segundo princípio que acredito o torna muito mais significativo para nós:

  • Sai: O desejo de construir precede o impulso de disputar;
  • Entra: O gesto de compartilhar precede o interesse de apropriar;

Alguém se opõe? --Solstag 23:24, 2 March 2009 (UTC)

Que tal adicionar? Ao invés de substituir? Rodrigo Tetsuo Argenton m 23:38, 2 March 2009 (UTC)
Pois é, mas ao meu ver fica redundante um com o outro e começa a parecer valores demais. E pessoalmente não gosto formulação atual desse segundo princípio, construir não evita disputar, muito menos evita apropriar, compartilhar evita ambos pelo mais fundamental, pois toda disputa pressupõe apropriação. --Solstag 23:56, 2 March 2009 (UTC)
Acho importante ter como fundamento, construir, mas compartilhar também é muito importante, não estou tão preocupado com o fim da frase. Rodrigo Tetsuo Argenton m 00:00, 3 March 2009 (UTC)
Há dois argumentos: 1) Como o que queremos construir é justamente o compartilhar de todo o conhecimento, a troca apenas precisa o significado sem prejuízo, tornando-o mais forte. 2) Construir é muito amplo, engloba tudo e carece de qualificação para ter relevância: o quê? como? O conjunto dos valores deve justamente buscar descrever os sentidos positivos mais destacados quando pensamos abstratamente em construir, o que nos leva de volta ao argumento 1. --Solstag 08:03, 8 March 2009 (UTC)
Topo a alteração proposta pelo Solstag. TSB 00:01, 3 March 2009 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo (com a proposta do Solstag) --Nevinho 11:28, 7 March 2009 (UTC)
Também concordo. guduran 18:54, 12 March 2009 (UTC)

Então acho interessante trocar, dos 13 que assinaram 5 manifestaram-se a favor, ainda irá aguardar? Rodrigo Tetsuo Argenton m 20:33, 13 March 2009 (UTC)

Feito --Solstag 07:16, 26 March 2009 (UTC)

Liberdade de conhecimento ou conhecimento livre?[editar]

Estou tentando ajudar na tradução e fiquei com uma dúvida sobre o começo da carta:

"A visão de um mundo onde cada indivíduo terá livre acesso à soma de todo o conhecimento inspira a criação de mutirões que reconhecem a produção colaborativa como ferramenta e a liberdade do conhecimento como requisito para atingir esta visão."

Não seria melhor "o conhecimento livre" ("free knowledge") ao invés de "a liberdade do conhecimento" ("freedom of knowledge")?--Tom 22:41, 20 March 2009 (UTC)-

Como eu penso, o requisito não é exatamente o termo composto conhecimento livre, mas que qualquer conhecimento seja livre. Na tradução o problema parece de literalidade, eu traduziria como "...the requirement that knowledge be free...". --Solstag 01:44, 21 March 2009 (UTC)

Parte esquisita: iniciativas que participem seus voluntários[editar]

No começo da 3ª seção:

"Os mutirões adotam e respeitam os seguintes princípios nas iniciativas que participem seus voluntários:"

Achei meio estranho o final, depois que um amigo (Osvaldo) apontou que não havia entendido a frase.

A parte 'que participem seus voluntários' não ficaria melhor como 'em que participam seus voluntários'?

--Tom 20:07, 21 March 2009 (UTC)

Concordo.

--TSB 21:19, 23 March 2009 (UTC)

Pq não cortar para apenas "Os mutirões adotam e respeitam os seguintes princípios:" ?

Falar em mutirões e iniciativas fica redundante, isso só fazia sentido quando a frase começava com "A Wikibrasil...".

--Solstag 06:42, 26 March 2009 (UTC)

Verdade, melhor deixar apenas Os mutirões adotam e respeitam os seguintes princípios:. Vou mudar, pois trata-se apenas de uma redundância. --Tom 04:48, 27 March 2009 (UTC)

Trecho da seção 4 que pode ser melhorado[editar]

"Estarão sempre abertos para a pluralidade e diversidade de iniciativas e ações de voluntários que atuam respeitosa e civilizadamente, mas, sobretudo, que acreditam na boa-fé dos demais, pois esta é uma postura fundamental em qualquer ambiente colaborativo."

Acho que esse trecho pode ser melhorado. Quando fui traduzir para o inglês, estranhei um pouco. Talvez separar a parte "Estarão sempre abertos para a pluralidade e diversidade de iniciativas e ações de voluntários que atuam respeitosa e civilizadamente"... Não sei, vou pensar e sugerir algo. Apenas quis expressar aqui uma parte que estranhei para ver se alguém concorda ou se alguém tem alguma sugestão para melhorá-la. --Tom 02:12, 23 March 2009 (UTC)

Talvez possamos começar a frase com "assumem boa-fé e" ... "estão sempre abertos para a pluralidade e diversidade de iniciativas e ações de voluntários que atuam respeitosa e civilizadamente." TSB 21:37, 23 March 2009 (UTC)
Será que todas as frases deste trecho não devem começar no singular, pois dizem respeito à palavra "comunidade"? TSB 21:37, 23 March 2009 (UTC)
Acho que não, Thomas, pois para mim dizem respeito aos voluntários. --Tom 05:04, 27 March 2009 (UTC)
  • Pressupõe boa-fé e sempre estarão abertos à pluralidade e a diversidade em ações realizadas por outros voluntários que atuem de forma respeitosa e civilizada, postura essa, essencial em um ambiente colaborativo.
O que acham? Rodrigo Tetsuo Argenton m 17:37, 24 March 2009 (UTC)
Gostei mais do jeito que elaborou essa frase, Rodrigo. Apenas mudaria um pouquinho o final tirando o "essa,", pois me parece desnecessário. Ficaria assim:
  • "Pressupõe boa-fé e sempre estarão abertos à pluralidade e a diversidade em ações realizadas por outros voluntários que atuem de forma respeitosa e civilizada, postura essencial a um ambiente colaborativo."
Também acho que é essencial a um ambiente, ao invés de essencial em um ambiente, não?
--Tom 05:04, 27 March 2009 (UTC)
Eu mudei o cabeçalho desse pedaço para encaixar com todo o texto que vêm abaixo. Rodrigo Tetsuo Argenton m 17:40, 24 March 2009 (UTC)

Questão de ordem.[editar]

Pessoal, me desculpe, mas, comparando o que estava acertado até o dia 28 e a versão atual, o que está redigido não é resultado do "pedido de posicionamento" o qual transcrevo:

" Até dia 28 de fevereiro ninguém manifestar-se com:

  • questionamentos objetivos
  • propostas concretas de mudanças

podemos adotar a carta como está?"

Se não se importarem, vou restaurar a edição original e qualquer mudança deve ser feita após propostas concretas de mudança (sic).

Melhor seria se algum dos senhores refletisse a respeito e fizesse a restauração. Ou argumentasse fazendo-me ver que os outros nove subscreventes da Carta concordaram ou concordam com as sutis alterações.

--Nevinho 00:23, 9 March 2009 (UTC)

Hum... concordo névio, contudo a única mudança a partir do dia 28 (corrija-me se me engano!) foi a subtração do nome "wikibrasil", que pode ser tomada como reflexo das discussões ocorrendo aqui e na lista, assim como está claro que uma vez o nome adequado - ou a ausência de um - for determinado, ele preencherá - ou não - tal espaço. Abs!

Veja também este comentário do Thomas logo aí acima.

--Solstag 02:04, 10 March 2009 (UTC)

Tudo bem, já duas adesões aconteceram após a data da edição do Thomas. É saudável a precaução para manter a unidade. Abraço --Nevinho 12:44, 13 March 2009 (UTC)

Gestionadas[editar]

Existe essa palavra em português? Não seria melhor usar geridas? Lechatjaune 13:49, 12 September 2009 (UTC)

Procurei nos dicionários Houauiss e Priberam e não existe mesmo gestionadas. Mudei para sua sugestão. --Tom 16:01, 12 September 2009 (UTC)

Sumiu?[editar]

  • Alguém sabe o que aconteceu com a carta e com o histórico? Pietro Roveri 09h40min de 4 de agosto de 2011 (UTC)
    Moveram mas deixaram o redirect só pra discussão, não pra página. Corrigi, agora página aponta pra cá também. Tamos discutindo essa movimentação toda na Ágora. --Solstag 20h15min de 4 de agosto de 2011 (UTC)