Wikimedia:Ágora/Campanha, parem de usar nomes idiotas

Grupo de Usuários Wiki Movimento Brasil
Ir para navegação Ir para pesquisar

Bom, eu fiquei de saco cheio de ficar pedindo um por um, então vai uma campanha pública: Parem de usar nomes idiotas.
No que eu digo que são nomes idiotas: chapter, capítulo, embaixador, Projeto Brasil Catalisador... nem um deles condiz com a realidade brasileira, o BCP teria que se chamar algo como Projeto de Catalisação no Brasil, que é horrível; embaixador é algo hierárquico, burocrático, sozinho, não é nada que a WMBr prega; capítulo e chapter, não funciona, é complicado de explicar... então parem de usar esses nomes.

O projeto de embaixadores não deveria ser aplicado no Brasil, foi aplicado, foi satisfatório, mas tenho certeza que deve ter sobrecarregado o voluntário, e não veio um aluno à lista se interessar pela WMBr, então o resultado real para nós foi baixo. Então, esse processo não deve ser mantido, deve ser otimizado e abrasileirado, logo, esse nome pode ir pras picas a meu ver.

Capítulo não!! Movimento, a gente é um movimento, se não quiser, associação, capítulo é idiota.

Sobre o BCP, eu não consigo pensar em nome bom, até porque é um PAC da WMF... Rodrigo Tetsuo Argenton 04h49min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Huahuaehuaa num sentido bem humorado, concordo sobre os nomes idiotas. A gente tem que parar de abrasileirar nomes gringos, é ridículo. O Catalyst Project poderia ter se chamado Ações de Facilitação no Brasil, e o programa Embaixadores poderia muito bem chamar-se Programa Voluntários no Campus. Mas, são nomes, não vão mudar assim a densidade das coisas. Por outro lado, acho bom ponderar e separar essa sua crítica ao atual estado do programa Voluntários no Campus (vamos chamar assim?). Também acho que há formas mais orgânicas e sustentáveis de conduzí-lo, mas do jeito que colocou aqui ficou parecendo mais um rant. Abraço --Solstag 05h32min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Humm, O modelo é ruim, mas não me desperta nada, estou acostumado com esses modelos estadunidense, não me surpreende, não me altera. Já o nome me incomoda pra cas.., todo o esforço voluntário deve ser incentivado, no caso estou discutindo o nome, e o nome é o que me irrita muito, nesse caso. Rodrigo Tetsuo Argenton 06h06min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Aé, acho que voluntários no campus, pode ser interessante, se não for falado, quando eu cliquei em editar estava superapoiando até falar mentalmente "voluntários no campus" "voluntários no campo" "voluntário caipira" hehehhehe, mas acho que ainda apoio, voluntário na universidade é muito grande, aluno voluntário? E Ações de Facilitação no Brasil é bem interessante, e foge de Fomento que é moda, blah! Rodrigo Tetsuo Argenton 06h11min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Haha, caipira é mermo. Eram só umas ideia, qualquer coisa. Nome, come, some. --Solstag 06h28min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Bem, a gente tem q padronizar os nomes e usar um só para a mesma coisa, até para o público externo não se perder com as coisas (nós nos entendemos, bem ou mal). Rjclaudio 08h47min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Pois, mas nesse caso deveríamos padronizar os nomes pela língua na qual eles serão efetivos para um público maior, o português, e posteriormente converter para algo parecido em inglês e eles que se virem do lado de lá. Agora, não acho que precisamos padronizar os nomes com os programas em andamento fora, até porque, como sublinhou o Argenton, os programas vão acabar tendo suas diferenças. Quando formos apresentar numa Wikimania, aí podemos fazer referência aos nomes dos programas nos EUA. --Solstag 09h25min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Vamos discutir sobre o nome embaixadores aqui. Como vou ficar perambulando muito falando com professores, é bom decidirmos logo se usamos a palavra embaixadores, que já usei com muita gente, mas ainda há tempo de mudarmos, acredito. --Everton137 10h01min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Campanha e votação sobre nomes ? Isto é a burocracia da burocracia...não temos coisas melhores não ? Eu acredito que nomes "pegam" e não adianta querermos forçar goela abaixo. Então deveríamos usar nossos esforços para as atividades e não para nomes. E você Argenton, está sendo sério candidato a Policarpo Quaresma...eu sou a favor de Capítulo, Catalisadores, Embaixadores e armas de plasmas Ozymandias 11h23min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
LOL! --Everton137 11h32min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Eu não propus porcaria nenhuma de votação, isso daí é o que você viu, eu propus uma campanha para que os nossos voluntários deixem de utilizar nomes que complicam o entendimento do público. Abrindo uma discussão a respeito, não uma votação. Rodrigo Tetsuo Argenton 16h37min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Capítulo[editar]

É só a designação jurídica para interação com a Wikimedia e o que diz respeito a ela. Sequer é preciso se apresentar como "integrantes de um capítulo" em qualquer foro. Por ser praticamente um jargão interno, discordo que seja necessário mudar. As designações já consagradas de Movimento podem continuar a serem utilizadas com o público externo.OTAVIO1981 (discussão) 10h59min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Symbol support vote.svg Concordo. --Everton137 11h03min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Nos moldes deles não somos chapter; capítulo, também não somos, pois não somos uma página de um livro; o público, diferente de outras organizações, pode interagir com todas as nossas conversas internas, se haver usos "gírias" internas a compreensão se esvai. Não há porque nos chamarmos de capítulo, chapter, ou qualquer coisa, abraço. Rodrigo Tetsuo Argenton 16h30min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Na maçonaria, no rosacrucianismo, nas entidades de serviços (Lions Club, Rotary Club...) eles chamam de "capítulo" os grupos locais. Nos EUA essa nomenclatura é bastante comum e no Brasil também. Mas não tenho nenhuma sugestão. Vinicius Siqueira 17h37min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Hheheheh são sociedades secretas, não conta. hheheheheh. Rodrigo Tetsuo Argenton 17h39min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Vamos chamar de Clube. MetalBrasil 17h58min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Muitos chamam... do Bolinha, rs. --Everton137 18h33min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Se o público tiver interesse em nossas conversas internas (e tomara que tenha!!) terá invariavelmente que aprender gírias internas. Externamente, poucos sabem o que é MediaWiki, WMF, Bugzilla, Iberocoop, Wiki, etc portanto é natural para um novato achar estranho até se acostumar com as gírias do dialeto praticado. OTAVIO1981 (discussão) 15h51min de 14 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Claro, é muito bom perder 5 min de reunião explicando o que é um capítulo local, é bem inteligente. Discorda muito e entende pouco, não viu o processo, não sabe que batemos de frente com o modelo de chapter, e não temos porque utilizar esse nome. É errado, não é prático, e temos que utilizar algo com o público, então deixaremos fácil para todos, mesmo que utilizado, não e tão difundido e desde 2008 que tenho problemas quando falam capítulo, então pnc, de quem nunca precisou falar sobre o Movimento Wikimedia Brasil para quem quer que fosse. Cansei, muito critica, pouca tentativa de compreensão. Rodrigo Tetsuo Argenton 05h44min de 7 de janeiro de 2012 (UTC)[responder]
PS: Everton, se quiser fazer graça, faça em um ambiente propício, aqui não é uma escola de palhaços, se não tem argumentos sólidos e para acabar com a discussão começa com macaquice, que está virando hábito, é melhor voltar para a escolinha, no jardim de infância que a gente faz chacotas para acabar com algo que não é agradável ao ponto de vista individual. Rodrigo Tetsuo Argenton

Igreja Wiki[editar]

Conteúdo migrado para outra página por ser muito longo. Ozymandias 11h30min de 16 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

Brazilian Catalyst Project[editar]

Projeto da WMF. Se a comunidade tivesse sido consultada talvez teria um nome em comum para designar iniciativas em comum. Sem cabimento inventar um nome diferente para algo que sequer é nosso. Se pensarmos em outro mais abrasileirado e eles toparem mudar, aí são outros quinhentos.OTAVIO1981 (discussão) 10h59min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

É sem cabimento, então a gente não pode opinar por algo que nos influí diretamente, que teremos que explicar para algumas pessoas com esse nome que não funciona, então a gente não pode dar opinião por algo que achamos errado? É isso? Já propomos um nome melhor acima. "Sequer é nosso"... Rodrigo Tetsuo Argenton 16h34min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Absurdo mesmo. Onde esse mundo vai parar? --Everton137 18h34min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Gostaria de saber para quem vocês pretendem apresentar o projeto BCP. É importante para eu conseguir entender o problema. De todos as vezes que falei do projeto nunca falei em capítulo, chapter, BCP ou GEP. "Programa internacional da fundação dona da wikipédia" é o suficiente como cartão de visitas para começar a conversa com algum interessado. OTAVIO1981 (discussão) 15h45min de 14 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]
Ditto.--Everton137 01h59min de 15 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]

"Programa internacional da fundação dona da wikipédia" HEHEHEHHEHEH, desculpe, mas não lhe capacitaram mesmo... eu fiquei me contendo para responder, pois saberia que seria grosseiro, a WMF cuida do brand Wikipedia, não é dono dela, ela não tem poder nenhum sobre a Wikipedia, o conteúdo não os pertencem, não são contratos deles que escrevem os artigos, nem mesmo voluntários deles, os voluntários são do Movimento Wikimedia, e isso só prova que se nem isso sabe, não saberia o porque o nome atrapalha. Nunca teve que organizar um mutirão, ir atrás de parceiros. Sem cabimento é falar asneiras sem saber o que está falando. Vou colocar você falando a frase que utilizou para alguém que nunca ouvir falar da WMF e outra que entende muito, o primeiro vai criar uma imagem totalmente errada e o segundo vai virar as costas para vocês, conhecimento não deve ser apropriado. E a Wikipedia é um repositório de conhecimento. Fui muito menos rude que deveria... me critica para todos os lados e não tem metade do conhecimento sobre o Movimento que eu tenho, deveria ouvir mais e criticar menos, diva. ¬¬ Rodrigo Tetsuo Argenton 05h36min de 7 de janeiro de 2012 (UTC)[responder]

Embaixador[editar]

conforme indicação do Everton, sendo discutido aqui.OTAVIO1981 (discussão) 10h59min de 13 de dezembro de 2011 (UTC)[responder]